quarta-feira, julho 29, 2015

Eu Li: Eu Estive Aqui - Gayle Forman



Título:
Eu Estive Aqui
Autora:
Gayle Forman
Editora:
Arqueiro
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC

Quando sua melhor amiga, Meg, toma um frasco de veneno sozinha num quarto de motel, Cody fica chocada e arrasada. Ela e Meg compartilhavam tudo... Como podia não ter previsto aquilo, como não percebera nenhum sinal?
A pedido dos pais de Meg, Cody viaja a Tacoma, onde a amiga fazia faculdade, para reunir seus pertences. Lá, acaba descobrindo muitas coisas que Meg não havia lhe contado. Conhece seus colegas de quarto, o tipo de pessoa com quem Cody nunca teria esbarrado em sua cidadezinha no fim do mundo. E conhece Ben McCallister, o guitarrista zombeteiro que se envolveu com Meg e tem os próprios segredos.
Porém, sua maior descoberta ocorre quando recebe dos pais de Meg o notebook da melhor amiga. Vasculhando o computador, Cody dá de cara com um arquivo criptografado, impossível de abrir. Até que um colega nerd consegue desbloqueá-lo... e de repente tudo o que ela pensou que sabia sobre a morte de Meg é posto em dúvida.
Eu estive aqui é Gayle Forman em sua melhor forma, uma história tensa, comovente e redentora que mostra que é possível seguir em frente mesmo diante de uma perda indescritível.

“Eu estive aqui” é o 5° livro que leio de Gayle Forman (amo Gayle Forman) e minhas expectativas estavam no céu. E já sabemos que não é saudável voar demais com as expectativas, não é mesmo? Lembrem-se disso, amigos. 

Mesmo com a narrativa meio melancólica que tanto amo, “Eu estive aqui” não me tocou como os livros anteriores da autora, apesar do tema ser pesado e até surpreendente. 

Cody acabou de perder sua amiga Meg. Ela tomou veneno num quarto de motel e ainda deixou uma bela gorjeta para a camareira. Meg era (aparentemente) um espirito singular, no sentido de plenitude. Ela tinha uma boa família, estava numa boa faculdade, suas expectativas sempre foram ótimas e Cody não consegue entender o que havia de tão terrível em sua vida para que ela desistisse dessa forma.

No que diz respeito à narrativa, a perspectiva de Cody é um banho de água fria no leitor. O que é muito conveniente, diga-se de passagem. A vida de Cody nunca foi um mar de rosas e ela tinha apenas Meg e sua família para se apoiar. Mas Cody, mesmo contra toda a probabilidade, conseguiu se manter e seguir em frente.

“Você nunca desistiu... e talvez tivesse mais motivos para isso. Você tinha um monte de pedras nas mãos, então resolveu limpá-las, deixá-las bonitas e fez um colar. Meg ganhou um colar de jóias e se enforcou com ele.”

Se o livro tivesse apenas essa atmosfera de superação, sem ser auto-ajuda, como Gayle Forman normalmente trabalhou em seus livros anteriores que li, eu estaria estirada no chão até agora, mas aí entra os personagens. Cody conhece um ex-peguete de Meg e, a primeira vista ele é tão babaca que, claro, Cody se interessaria por ele. Mesmo sabendo que o envolvimento com Meg foi nocivo, ela vai sentir atração. Isso foi tremendamente clichê para romantizar o texto e, honestamente, achei bem infeliz.

Então o enredo volta a ficar interessante, pois teremos uma espécie de investigação de Cody para tentar descobrir um pouco mais sobre o intento de Meg. Então ela acaba chegando num site de “estimulo ao suicídio” e isso sim é bem interessante para quem nunca ouviu falar no assunto.

Lembrei de uma reportagem que li há alguns anos sobre um jovem brasileiro que se matou inalando monóxido de carbono. Ele tinha 16 anos e era envolvido com tais sites que o incentivaram a “fazer a coisa certa” e os "amigos virtuais" até apresentaram opções mais viáveis para conseguir o objetivo. Isso é extremamente assustador e muito real e ainda não tinha lido nenhum livro de ficção que abordasse o assunto de forma tão direta.

“Eu estive aqui” foi lançado pela editora Arqueiro no Brasil e aborda assuntos interessantes de uma perspectiva frágil, porém real. A narrativa de Gayle Forman é tão boa, amigos. Envolve sentimento de uma forma concreta. Pena que sua abordagem romântica foi chata, senão seria um livro perfeito com boas informações sobre enfrentamentos internos. 


quinta-feira, julho 23, 2015

Eu Li: Conquista - J C Reed


Título:
Conquista
Autora:
J. C. Reed
Editora:
Única
Onde Comprar:
Saraiva | FNAC | Submarino

Encontrar Jett foi um verdadeiro azar. Perigoso, imprevisível. Um cara que era melhor evitar. Nesse jogo, porém, as apostas são altas. Vale a pena o risco?

A continuação da história de Brooke e Jet mergulha de vez nas armadilhas do amor e da sensualidade.

Brooke Stweart sempre achou que esquecer é algo muito difícil. Entretanto, perdoar é impossível. Quando o homem em que ela confiava a traiu, a única opção que ela tinha era seguir em frente. Brooke está determinada a começar uma nova vida, até que reencontra Jett: aqueles olhos verdes, sexy como o pecado. O homem que ela desejava. O homem que jogava sujo. O homem que a enganou.

Lindo e arrogante, Jett Mayfield sabe que cometeu erros. Ele poderia ter qualquer outra mulher que desejasse, mas era Brooke que ele queria. Quando uma segunda chance colide com os segredos da alma e Brooke precisa confrontar seu passado, ele se vê determinado a protegê-la. Ela aceita sua ajuda não só porque precisa dele, mas também porque não resiste a seus encantos. Desta vez, porém, o jogo será do jeito que ela quiser.
Oi gente...voltei depois de um tempinho sumida!

Bom... sumida, sim! Parar as leituras, nunca!

E como o esperado, os romances continuam a chegar e eu continuo a surtar com eles. Ainda mais quando furtivamente encontro alguma sinopse de livro que seja um tanto quanto diferente do que estou acostumada, para não dizer, uma sinopse que foge um pouco dos clichês que tanto fazem suspirar nossos corações.

Hoje vim compartilhar uma novidade que chegou para mim. Agora que estamos com parceiria com a editora única, estou pertubando direto nossa chefinha Biah para conseguir algumas coleções que só a editora tem, como a triologia ´´Devoção`` da fofa da J C Reed.

Quem leu minha resenha do primeiro livro, bem sabe que me derreti toda com a trama, e com o charmosíssimo do Jett. Mas, nem só de abdomens sarados e tatuagens tribais masculinas vive uma leitora de romances compulsivos, então a autora fez o favor de colocar algumas colheres de mistério e suspense nesse livro. E deu tão certo que temos hoje o segundo para destruir de vez o (nosso) meu coração.

No primeiro livro tivemos um final digno de novela mexicana, com direito a amaeças e bater de portas no escritório, um final meio que esperado na minha humilde opinião. Mas então quando eu penso que já vi de tudo, a autora começa o segundo livro com uma perseguição ao coração da amada, intercontinental que me deixou chocada. Mas as novidades não param por aí, dessa perseguição ainda vai rolar muitas coisinhas no livro.

Esse livro conta (ou deveria contar) a história de como a Brooke, nossa heroína, consegue dar a volta por cima e ainda fazer cara de rica (literalmente), mas quando temos um personagem masculino na história como o Jett, altamente possessivo, (com uma boa pegada) carinhoso e apaixonado, mesmo quando ele não sabe disso, o que temos é uma reação química fadada a explosão de suspiros, que você leitor vai soltar.

A Brooke está desolada pelo o que ela descobriu no final do primeiro livro, e como se não fosse um choque suficiente, ela ainda descobre que tem que fazer uma viagem urgente para a Itália (Ôoooo vida difícil) com todas as despesas pagas. Como ela está curtindo o fim de um relacionamento, o que pode ser melhor do que viajar para lá com a sua melhor amiga, que foi demitida e também foi chutada?

Regada a muita margarita e festas com italianos lindos, o que ela menos esperava era a reviravolta da vida dela nesses instante e ainda ter que aturar o Jett correndo atrás dela com direito a detetive/hacker e tudo. E ainda ter que verificar quem tem a razão: sua razão, por não confiar mais no Jett, ou seu coração, que insiste em amar a um mentiroso, que tem uma vida tão diferente da dela, e que não está acostumado a desistir das coisas de que gosta, ou mesmo das pessoas?

Mas se não fosse assim não teria história, então, eles se encontram mas quando eu pensei que o romance ia decolar de fato, caiu uma bomba relógio no colo da Brooke e ela se vê em meio a uma organização secreta de gente muito poderosa que quer só...e simplesmente...ver a herdeira morta.

Esse segundo livro é muito cheio de charadinhas, e fiquei batendo cabeça na metade do livro, para ver se acertava o final dele e desvendava o mistério, porém, eu não contava que ao final ia descobrir que a autora é uma terrorista psicológica de primeira mão, e me deu esse final para querer correr atrás do terceiro e saber que diabos de seita é essa que ela, a Brooke, tá enrolada.

Quando estava me acostumando com os mistérios em que o quarteto se envolveu, a Brooke faz o favor de soltar uma bomba no final da história...

Já deu para sentir que fiquei meio empolgada e frustrada com esse livro, e pior que isso é ter que esperar o terceiro livro chegar TT.TT mas, fazer o quê, o importante é que a editora linda de mamãe, vai mandar para a gente, assim que a chefinha pedir o livro...kkkkkkkkkkk... né Biahhhhhhhhhhh?

E um outro motivo que dá vontade de morder o livro de tão fofo que foi, é o novo relacionamento da Sylvie, a melhor amiga da Brooke, que se apaixona por um Hacker bad boy...que fofo! Mas é meio difícil chipar um casal secundário, e a Fernanda (miss fofinha para os íntimos) bem sabe disso, né amadinha? kkkkk

Enfim, fica a dica, e eu super curti o mistério do livro, acompanhado com o suspense!



terça-feira, julho 21, 2015

Eu Li: Predestinadas - As Crônicas das Irmãs Bruxas #3 - Jessica Spotswood

ATENÇÃO! A SINOPSE PODE CONTER SPOILERS



Título:
Predestinadas
Autora:

Jessica Spotswood
Editora:

Arqueiro
Onde Comprar:

Submarino | Saraiva | FNAC | Buscapé

Cahill acabou de ser apagada da memória de Finn, o grande amor de sua vida. A responsável por essa traição foi Maura, uma de suas irmãs, e Cate está certa de que nunca vai conseguir perdoá-la. Enquanto isso, Tess, a caçula, está às voltas com visões cada vez mais assustadoras.Como se não bastasse, a Nova Inglaterra vem sendo tomada por uma febre mortal sem precedentes. Preocupada, Cate quer ajudar a todos, mas é impossível fazer isso sem revelar seus poderes e, assim, aumentar a fúria dos Irmãos da Fraternidade, os implacáveis caçadores de bruxas.Em meio a desavenças com suas aliadas em potencial, Cate terá que se desdobrar para conseguir prestar o auxílio que deseja, proteger Tess e Finn e lutar por uma nova ordem que permita que as bruxas sejam representadas no governo de sua cidade e não precisem mais se esconder.Predestinadas é o desfecho de uma saga permeada de delicadeza, cores, magia e fortes emoções. As irmãs Cahill terão que enfrentar os maiores desafios de sua vida, e o amor que sentem uma pela outra será fundamental nessa jornada.

Demorei três semanas para escrever essa resenha simplesmente por que não sabia o que dizer. O primeiro livro da serie eu comecei a ler por causa da capa (que é muito linda), confesso, porém eu não podia ter ficado mais surpresa, pois um enredo que poderia muito bem ter sido encaminhado para um clichê mal elaborado se transformou em uma super história e logo nas primeiras páginas me envolvi de um jeito que não previa. Obrigada por isso, destino!

E agora, três livros depois, me vejo diante do final de uma história que me conquistou sobre maneira, tanto por seu enredo, quanto por seus personagens principais E secundários. Todos tem papeis importantes, contribuem para o desenrolar da trama e crescem aos nossos olhos, ou não. Maura, por exemplo, é um personagem que só me desperta raiva e antipatia.

Não sei se essa é a primeira resenha sobre a trilogia que vocês lêem, mas resumindo o principal da história, Cate, Maura e Tess são três irmãs bruxas que descobriram que podem ser a três bruxas de uma profecia que diz que uma delas terá o dom da magia mental e será a bruxa mais poderosa a nascer em muitos séculos, tendo o poder de fazer ressurgir o poder das bruxas, perseguidas pela Irmandade, ou então suscitar um novo Terror, uma nova caça às bruxas.

Maura é a irmã ambiciosa de um jeito ruim, manipulável e cruel. Elas fez muitas coisas as suas irmãs que eu não perdoei, mesmo co mm desfecho de seu personagem neste último livro. Cate teve uma paciência e altruísmo de jó durante a maior parte do tempo, mas adorei o modo como ela se revoltou em determinado momento e se permitiu sentir raiva e desprezo por sua irmã. Já Tess é uma coisinha linda que desperta cuidado, como se pudéssemos realmente cuidar dela e confortá-la.

Ao longo dos três livros acompanhamos o desenrolar do relacionamento entre as irmãs e também o modo como reagem ao poder que tem, o que pretendem fazer com esse poder, e todas as consequencias das ações tomadas por elas, algumas pensando no bem comum, outras por puro egoísmo disfarçado. É uma dinâmica frenética! Não é possível dar uma pausa na leitura e voltar depois de um dia ou algo assim. É simplesmente difícil largar a leitura porque sempre está acontecendo alguma coisa ou sempre estamos na expectativa iminente de algo acontecer.

É algo maravilhoso o que essa autora conseguiu escrever. É um romance que envolve bruxas em um tempo parecido com o final do século XIX, ainda envolto na ideia de que mulheres não devem aprender, não devem ter meios de questionar, precisam ser submissas aos seus familiares homens. Em meio a todo o teor fantástico a autora conseguiu mostrar o que foi e o que continua sendo a luta das mulheres para serem notadas e respeitadas como devem ser.

Finn e Cate são um atrativo a parte. Eu adoro romances em livros exceto quando não são o objetivo principal e acabam atrapalhando o resto. Não é o caso de Cate e Finn. Eles são dois personagens importantíssimos cuja história é fundamental para o desenvolvimento da trama. É algo que acontece a Finn que faz com que Cate desperte em relação a sua irmã Maura e veja o quanto ela é mesquinha, e a partir disso Cate toma atitudes mais fortes em relação à irmã. Eu mesma fiquei com um ódio mortal de Maura pelo que ela fez. E o desfecho da história para o casal não é daqueles estilo felizes para sempre dificeis de acredita, mas sim algo palpável e muito lindo

Eu não tenho dúvida alguma de que essa trilogia é uma das melhores que eu já li. A história te conquista pelos personagens, pelo enredo, pelo modo com a autora desenvolve a trama, pelos altos e baixos e pelas supresas. Fica na mente e ão te deixa pensar em muita coisa que não o livro até terminá-lo. Há  muitos livros ótimos que não te prendem desse jeito, então isso é um "algo a mais". Vai ficar no coração.




segunda-feira, julho 20, 2015

[Resultado] Promoção Olho de Boto

Oi gente! Como estão as férias de vocês? 

Eu estou aproveitando minhas férias para ler bastante, bastante mesmo, assim em agosto teremos muitas resenhas de livros super legais! Sério,já li uns 15 livros e vi não sei quantos filmes e episódios de séries de TV.  

Bom, mas o assunto de hoje não é esse. Agora é hora de conhecer mais um(a) ganhador(a) de promoção. Quem levar Olho de Boto, do Salomão Larêdo para casa vai ter a oportunidade de ler uma história super emocionante e real. 

E essa sortuda é a Stéphannie Serique. Parabéns querida! Enviarei um e-mail para você e terás até quarta-feira para responder com seus dados para que eu possa enviar o livro.



Obrigada aos participantes da promoção e fiquem de olho que em breve teremos outras promoções. A Bienal está chegando, livros autografados e tal...Aguardem!

sábado, julho 11, 2015

Evento #Nerd Power Record Belém


Olá gente bonita! Como estamos? Ando meio sumida, mas estou de olho em tudo o que essas duas (Biah e Miss Fofinha) andam aprontando pelo blog e pelos eventos por aí. A vida anda uma correria, mas estamos aqui novamente para prestigiar e participar de mais um evento mediado pela Garota Pai D´égua em parceria com a Roberta Spindler e o Thyago Costa.

Primeiramente obrigada as 107 pessoas que nesse sábado, dia 11, de julho, fizeram desse evento um sucesso, vocês foram espetaculares. Ajudando a colocar Belém no mapa de vez, quando se trata de eventos literários de grandes editoriais. #VALEU

Segundo sabadão de julho e poderíamos todos estar viajando por aí, curtindo o sol e uma praia, mas nãooooooooooooo...não os bookaholics que conhecemos tão bem, que se mobilizam e convidam os amigos nas redes sociais, estes compareceram as 15h de hoje, na nossa Saraiva Mega Store, para participarem de mais um evento cheio de livros ótimos. E sorteios, claro!

Uma das coisas que vi, e que me emocionou, foi a participação de jovens leitores, crianças (ou pré-adolescentes) com máscara de Darth Vader e sabre de luz na mão, e ansiosos para participar das brincadeiras e ganhar os livros da saga. E as pessoas que ficaram na porta até o fim do evento, vocês foram show gente, valeu mesmo!

O evento de hoje, foi regado a muitos livros incríveis, para todos os gostos, como Assassin´s Creed, World of Warcraft, Merlin, Harry Potter, O Sétimo Filho, Crônica dos Senhores de Castelo e a Batalha do Apocalipse. 

Quem já leu minhas resenhas, sabe que não fazem meu tipo esse gênero de livros, como estes, mas até o Thyago conseguiu me deixar no mínimo curiosa sobre o muito enrolado mundo em que o Ezio e o Altair andam lutando e arrecadando relíquias e mistérios, direto dos jogos para as páginas dos livros. Pontos para você link Boy!


Como não se emocionar com a Roberta Spindler, nossa autora querida e sempre presente, quando ela fala do nosso também queridinho Eduardo Spohr, e como foi o início de carreira dele, e como é difícil para começar nesse ramo. Parece que eu estava ouvindo a história dela ali, naquelas palavras também. E como ambos estão ganhando ainda mais os corações dos seus leitores.

Tivemos jogos em que nossos participantes tiveram de representar as famosas casas de Hogwarts, e responder perguntas sobre a apresentação dos livros do Grupo Editorial Record e algumas perguntas que só quem tinha lido os livros poderia responder.





Espero que todos tenham gostado do evento tanto quanto eu, e vê se fica esperto que sempre estamos mediando eventos, fique atualizado no blog e nas nossas redes sociais, que aí você não vai perde o próximo!

O nosso obrigado todo especial para a Revista Otaku Point que esteve presente com a gente, curtindo o momento, as gracinhas e a companhia!

E deixo vocês com as fotos do evento, beijos da gorda! #Fui




















sábado, julho 04, 2015

Notícia + que demais! Agora o blog é parceiro da Editora Valentina! \o/ \o/


.

ISSO MESMO! Agora somos um Blog Amigo Valentina!

Fiquei tão, tão feliz ao receber o e-mail avisando que o blog tinha sido aprovado que eu surtei no grupo do whatsapp com a Fernanda e a Anne. Quase todos os livros que a Valentina publicou até agora estão na minha lista de leitura desde que foram lançados em inglês, e tenho certeza que ainda virão muitos outros livros maravilhosos por aí! Estou tão ansiosa para fazer parte disso! 

Vejam alguns dos livros da editora que eu estou doida para conhecer:


Alexia Tarabotti enfrenta uma série de atribulações sociais, quiproquós e saias justas (embora compridíssimas) em plena sociedade vitoriana. Em primeiro lugar, ela não tem alma. Em segundo, é solteirona e filha de italiano. Em terceiro, acaba sendo atacada sem a menor educação por um vampiro, o que foge a todas as regras de etiqueta.
E agora? Pelo visto, tudo vai de mal a pior, pois a srta. Tarabotti mata sem querer o vampiro ― ocasião em que a Rainha Vitória envia o assustador Lorde Maccon (temperamental, bagunceiro, lindo de morrer e lobisomem) para investigar o ocorrido.
Com vampiros inesperados aparecendo e os esperados desaparecendo, todos parecem achar que a srta. Tarabotti é a responsável. Será que ela conseguirá descobrir o que realmente está acontecendo na alta sociedade londrina? Será que seu dom de sem alma para anular poderes sobrenaturais acabará se revelando útil ou apenas constrangedor? No fim das contas, quem é o verdadeiro inimigo, e... será que vai ter torta de melado?
Uma das séries de Steampunk mais cultuada do mundo.



Há quase dois anos, o namorado de Kiera, Denny, é tudo que ela sempre quis; apaixonado, carinhoso e totalmente dedicado. Quando os dois se mudam para outra cidade a fim de começar uma nova vida, Denny no emprego de seus sonhos, Kiera numa conceituada universidade, tudo parece perfeito. Mas então, um imprevisto separa o feliz casal. Sentindo-se sozinha, confusa e carente, Kiera se aproxima de Kellan Kyle, o sexy e sedutor vocalista de uma banda de rock. No começo, ele é apenas um amigo em cujo ombro ela pode chorar suas mágoas, mas, à medida que sua solidão aumenta, o relacionamento ganha força. Até que, uma noite, tudo muda... e nenhum deles jamais será o mesmo.







Ana é nova. Por milhares de anos, no Range, milhões de almas vêm reencarnando, num ciclo infinito, para preservar memórias e experiências de vidas passadas. Entretanto, quando Ana nasceu, outra alma simplesmente desapareceu... e ninguém sabe por quê.
SEM-ALMA
A própria mãe de Ana pensa que a filha é uma sem-alma, um aviso de que o pior está a caminho, por isso decidiu afastá-la da sociedade. Para fugir deste terrível isolamento e descobrir se ela mesma reencarnará, Ana viaja para a cidade de Heart, mas os cidadãos de lá temem sua presença. Então, quando dragões e sílfides resolvem atacar a cidade, a culpa deverá recair sobre...
HEART
Sam acredita que a alma nova de Ana é boa e valiosa. Ele, então, decide defendê-la, e um sentimento parece que vai explodir. Mas será que poderá amar alguém que viverá apenas uma vez? E será também que os inimigos – humanos ou nem tanto -- de Ana os deixarão viver essa paixão em paz?
Ana precisa desvendar grandes segredos: O que provocou tal erro? Por que ela recebeu a alma de outra pessoa? Poderá essa busca abalar a paz em Heart e acabar por destruir a certeza da reencarnação para todos?


“Fale sobre você... Queremos saber o que tem a dizer.” Desde o primeiro momento, quando começou a estudar no colégio Merryweather, Melinda sabia que isso não passava de uma mentira deslavada, uma típica farsa encenada para os calouros. Os poucos amigos que tinha, ela perdeu ou vai perder, acabou isolada e jogada para escanteio. O que não é de admirar, afinal, a garota ligou para a polícia, destruiu a tradicional festinha que os veteranos promovem para comemorar a chegada das férias e, de quebra, mandou vários colegas para a cadeia.
E agora ninguém mais quer saber dela, nem ao menos lhe dirigem a palavra - insultos e deboches, sim - ou lhe dedicam alguns minutos de atenção, com duvidosas exceções. Com o passar dos dias, Melinda vai murchando como uma planta sem água e emudece. Está tão só e tão fragilizada que não tem mais forças para reagir.
Finalmente encontra abrigo nas aulas de arte, e será por meio de seu projeto artístico que tentará retomar a vida e enfrentar seus demônios: o que, de fato, ocorreu naquela maldita festa?

Esses são só alguns dos livros da editora que eu gostaria de ler. Eles são bem a cara do blog né? E vocês, já leram algum? Aguardem novidades em breve!

E obrigada Valentina pela confiança! 

[Resultados] Promoção Ligeiramente Maliciosos, Promoção Nas Alturas e Top Comentarista de Junho

Oi pessoal! Preciso contar uma coisa para vocês: ESTOU DE FÉRIAS!!!!!!!!!!!!! #HAPPY

Tenho tantos planos para essa férias! Livros para ler, eventos para planejar e organizar, filmes para assistir, e claro, ATUALIZAR O BLOG! Para começar, é hora de postar os resultados das últimas promoções. Vamos lá?

~ Promoção Ligeiramente Maliciosos

Parabéns Jois Duarte! Você vai adorar esse romance lindo da família Bedwyn! Vou enviar um e-mail e você tem até terça-feira para responder com seus dados. 

.

~ Promoção de Nas Alturas

A Elizabeth Machado está sempre por aqui! Parabéns novamente! Vou enviar um e-mail e você tema té terça-feira para responder. Você vai adorar o livro, não tem como ser o contrário :)

Top Comentarista de Junho

A ganhadora do super kit de marcadores da Intrínseca foi: 

.

Parabéns Amália! Vou enviar um e-mail para você ainda hoje e terás até terça-feira para responder com seus dados. Você vai adorar os marcadores, são lindos!

Com vocês devem ter percebido, mudamos a estratégia. Agora ao invés de esperar os ganhadores fazerem o primeiro contato, vamos enviar um e-mail primeiro e aguardar as respostas. Acho que assim é melhor para tooodo mundo :)

Parabéns às ganhadoras! Vocês vão adorar os livros e os marcadores. Voltem sempre e participem das outras promoções. E quem não ganhou, não se preocupe, tem mais uma rodada de promoções vindo aí \o/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo