Eu Li: Acorda pra vida, Chloe Brown - Talia Hibbert

Título:
Acorda pra vida, Choe Brown 
Autora:
Talia Hibbert
Editora:
Paralela
Série:
As irmãs Brown
Ano:
2021



Uma deliciosa comédia romântica que mostra que coisas incríveis podem acontecer se você se abrir à descoberta — de si mesmo e do mundo ao seu redor.
Depois de quase ser atingida por um carro em alta velocidade, Chloe Brown se deu conta de que seu obituário seria um tanto entediante. Para reverter essa situação, ela decide montar uma lista de atividades necessárias para finalmente "acordar para a vida".
Mudar assim não é nada fácil, mas, para sua sorte, Chloe encontra alguém que — mesmo a contragosto — pode ajudá-la nessa missão. Seu vizinho Red Morgan é um motoqueiro misterioso, que tem várias tatuagens e mais sex appeal que uma estrela de Hollywood.
No entanto, um acordo leva Chloe e Red a se aproximarem e perceberem que suas primeiras impressões um do outro estavam erradas. E que, mesmo com traumas do passado e receios quanto ao futuro, o amor nunca perde a chance de surpreender.


Nesses últimos dias o blog fez uma imersão em romances de época e fantasia, perceberam?
Por mim está mais do que maravilhoso pois somos mulheres apaixonadas por romances neste espaço e isso é facilmente perceptível.
Inclusive, hoje venho humildemente SUSPIRAR por este que também é um romance, porém contemporâneo.
Um conteúdo de qualidade com tudo que temos direito: amor à segunda vista, tensão sexual nas alturas e a boa e velha putaria soft. É disso que a gente gosta!

*Lendo romance* 

Por Fernanda Karen

Eu Li: A rainha do nada - Holly Black

Título:
A rainha do nada
Autora:
Holly Black
Editora:
Galera Record
Série:
O povo do ar #3
Ano:
2021



Ele será a destruição da coroa e a ruína do trono.
O poder é mais fácil de adquirir do que de manter. Jude aprendeu a lição mais difícil de sua vida quando abdicou do controle do Rei Cardan em troca de um poder imensurável.
Agora, ela carrega o outrora impensável título de Grande Rainha de Elfhame, mas as condições são longe de ser ideais. Exilada por Cardan no mundo mortal, Jude se encontra impotente e frustrada enquanto planeja reivindicar tudo que Cardan tomou dela.
A oportunidade surge com sua irmã gêmea, cuja vida está em perigo. Para salvá-la de uma situação tenebrosa envolvendo Locke, Jude decide voltar ao Reino das Fadas se passando por Taryn. Antes disso, porém, ela precisa confrontar os próprios sentimentos contraditórios pelo rei que a traiu.
No entanto, ao voltar a Elfhame, Jude constata que tudo mudou. A guerra está prestes a eclodir, e ela caminha próximo a seus inimigos. Será que ela vai ser capaz de resgatar a Coroa e o amor incondicional de Cardan, ao mesmo tempo que destrói os planos de seus inimigos? Ou será que tudo está perdido para sempre?
A rainha do nada é o épico desfecho da trilogia O Povo do Ar, da renomada autora Holly Black. Com intrigas palacianas, reviravoltas inesquecíveis e uma construção de universo ao mesmo tempo complexa e crível, Holly Black se consagra mais uma vez como a rainha do Reino das Fadas e um dos nomes mais icônicos da fantasia para jovens adultos.


Olá, queridos leitores, como estão?
Preparados para mais um livro de fantasia com direito a orelhas pontudas e tudo? Apesar de passar a amar o universo férrico, muito por causa da nossa amada Sarah J Maas, na resenha temos que ir com certa cautela, pois a autora de hoje é ninguém menos que nossa trevosinha querida, Holly Black. Vale também ressaltar que esta é a resenha do terceiro livro da série "O Povo do ar" então, não te aconselho a ir adiante sem ter lido os primeiros livros, pois tento meu máximo para driblar spoilers, porém eles esporadicamente aparecem camuflados e a leitura desta resenha, por certo, vai interferir na sua leitura dos livros anteriores. Bom, quem avisa amigo é... sigamos com a resenha!

Por Anne Magno

Quinta em outra língua #94 - Desperate Measures - Katte Robert

Título:
Desperate Measures
Autora:
Katee Robert
Ano:
2019
Série:
Wicked Villains #1

Once upon a time, I was a sheltered princess.
On the night Jafar takes everything from my father, he offers me a devil’s bargain—walk with my freedom and nothing else, or attempt to best him and regain my inheritance. In my arrogance, I play right into his hands. I foolishly assume I have a chance to come out on top. I’m wrong.
Now Jafar owns me, body and soul.
We fight during the day, but when night comes, we play out every fantasy I’ve never allowed myself to admit to having. I can’t hide them from Jafar, though. We know each other—and the dark desires we share—far too well. He sees to my every need, no matter how carnal or extravagant. It’s almost enough for me to be happy…
But a gilded cage is still a prison, and I’ll do anything to obtain my freedom—even betray the man I’m falling for.


Olá, queridos leitores de plantão! Que tal eu contar para vocês como foi a minha experiência de leitura shippando o Jafar com a Jasmine na nova adaptação do conto de fadas do Aladin?
Pois é, eu também fiquei chocada o dia que a Feh (vulgo Miss Fofinha Fernanda Karen) chegou no grupinho avisando que tinha visto uns e-books gringos de graça na loja da kindle, e ela mandou o link desse livro em específico. Como injeção na testa de graça a gente corre logo atrás, baixei o livro sem nem prestar atenção no que era e deixei ali no cantinho para quando eu quisesse ler algo diferente. 
Até aí beleza... eis que esse dia chegou e então fui ler a sinopse e deu um bug na minha mente.

Por Anne Magno

Eu li: Amante por uma tarde - Lisa Kleypas

Título:
Amante por uma tarde
Autora:
Lisa Kleypas
Editora:
Arqueiro
Ano:
2021
Série:
Os mistérios de Bow Street #2



Lady Sophia Sydney tem um grande objetivo na vida: se vingar de sir Ross Cannon. O ilustre magistrado condenou o irmão dela à morte e agora o plano é causar um escândalo e arruinar a reputação dele.
Para isso, Sophia dá um jeito de trabalhar para Ross e, aos poucos, vai ganhando sua confiança.
Todas as manhãs, ela o instiga com sua presença exuberante. A maneira como se inclina sobre a mesa para servir-lhe as refeições e o modo como suas mãos tocam-lhe a pele com suavidade desafiam o bom senso dele.
E todas as noites, ela faz promessas com os olhos e com o corpo, tentando convencer Ross de que, em vez de se entregar a um sono agitado, ele poderia passar a madrugada fazendo coisas bem mais interessantes...
Sophia sabe que Ross está se apaixonando por ela a cada dia. Mas há uma coisa que seu plano não previa: que ela se apaixonasse por ele também.

Olá, queridos e amados leitores!

Você conhece o ditado popular antigo que diz que certos planos na vida são "um tiro que saiu pela culatra"?
Geralmente usamos essa expressão para dizer que nossos planos acabaram não acontecendo como gostaríamos. E exatamente esse sentimento que a protagonista do livro da resenha de hoje deve estar sentindo!

Por Anne Magno

Eu li: Brilhante: A história de Belle - Julia Quinn

Título:
Brilhante: A história de Belle
Autora:
Julia Quinn
Editora:
Arqueiro
Ano:
2021
Série:
Damas Rebeldes #2



Quando um pretendente diz a lady Belle que, por conta da beleza e da fortuna dela, está disposto a fazer vista grossa para as suas chocantes tendências intelectuais, ela decide se afastar do mercado casamenteiro e passar uma temporada no campo.
Belle não imaginava que, durante sua estadia, fosse conhecer lorde John Blackwood, um herói de guerra que a deixaria fascinada como nenhum outro homem da alta sociedade londrina fora capaz.
Apesar de já ter vivido coisas terríveis, nada aterroriza mais o coração atormentado de lorde John do que lady Arabella. Ela é inebriante, exasperante e... faz com que ele tenha sede de viver. De repente ele se vê escrevendo poesias ruins e subindo em árvores na calada da noite só para poder dançar com ela quando o relógio bater meia-noite.
Apesar de saber que nunca será o homem que ela merece, John não consegue parar de desejá-la. Será que quando a luz do dia substituir a magia da madrugada, os dois conseguirão deixar as diferenças de lado e se entregar ao amor?


Olá, amados leitores, vamos de resenha hoje?!
Se você procura uma protagonista que é louca por livros, na verdade passa a maior parte do tempo com eles e até cria seus próprios TBR, e apesar de saber as regras do jogo da alta sociedade londrina gosta mesmo é de desafias as convenções e viver a seu modo a maior parte do tempo, pelo menos quando sua mãe não está por perto, então você veio ao livro certo. Vale lembrar, queridos leitores, que esse é o segundo livro da série chamada "Damas rebeldes" (conheçam "Esplêndida" aqui) e ler fora de ordem pode e vai ocasionar o prejuízo na leitura. Bom, estando de acordo disso, seguimos com a resenha!

Por Anne Magno