terça-feira, julho 30, 2013

Eu Li: O Livro das Princesas - Meg Cabot, Paula Pimenta, Lauren Kate, Patricia Barboza


Título:
O Livro das Princesas
Autoras:
Meg Cabot, Paula Pimenta, Lauren Kate, Patricia Barboza
Editora:
Galera
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC

"Da mesa da Princesa Mia Thermopolis: Olá, amigos, fãs e companheiros admiradores de princesas (ou eu deveria dizer simpatizantes de princesas?)! Eu mal pude acreditar quando alguém do Brasil permitiu que EU desse uma olhadinha neste livro. Mas acho que faz sentido, já que, além de ser uma princesa, também tenho verdadeira paixão por histórias românticas! Acreditem no que eu digo, este livro tem essas duas coisas de sobra! Mas são releituras contemporâneas, com reviravoltas que farão você dizer owwwwnnnnnn… Uma Cinderela DJ? Rapunzel popstar? Bela é uma supermodelo? E unicórnios em A Bela Adormecida?! Sim, por favor! Mais, mais. POR FAVOR. Não se preocupem, tem mais. Muito mais. Eu amei, e vocês também vão! (Sim, você também vai amar, Tina Hakim Baba. Pode pegar meu exemplar emprestado quando eu terminar de ler. Não, melhor: compre o seu. Assim você vai poder ler de novo e de novo, como eu pretendo fazer.)
Sinceramente, Sua Alteza Real, Princesa Mia Thermopolis"


Quando eu ouvi falar desse projeto eu já sabia que ia ser o máximo. Pensem só, quatro autoras de sucesso juntas em um só livro? Eu sei, eu sei, nem sempre dá certo, e eu não gosto muito de contos por que não dá para o autor se aprofundar na trama nem desenvolver direito os personagens, mas dessas vez as autoras foram bem selecionadas e em quantidade adequada, com certeza.

São quatro contos e vou falar um pouco de cada um deles. A Modelo e o Monstro, da Meg Cabot, é bem o estilo Meg de ser. Chega até a ser reconfortante, por que você reconhece o estilo, o tipo de personagens, o tipo de ambiente que ela cria para a história e os e personagens. Gostei bastante da sua releitura contemporânea de A Bela e a Fera. 

Em Princesa Pop, de Paula Pimenta, eu mergulhei totalmente. É o melhor conto de todos, em minha opinião. É muito interessante o modo com a Paula construiu um estória atual, com personagens ótimos, e com todos os elementos que fizeram da Cinderela uma personagem, um conto tão popular. É o maior conto de todos e não falta nada! É completo, sem falhas, e não termina com a sensação que está faltando alguma coisa ou que as coisas aconteceram rápido demais. ♥

Eclipse do Unicórnio é o conto de Lauren Kate, e é o conto da Bela Adormecida misturado com unicórnios. É bem legal, mas eu quase não associo o conto à história. E eu não gostei muito da escrita da autora, mas é bem fofinho. Já o último conto é da Patricia Barboza e se chama Do Alto da Torre. Já dá para sacar que é da Rapunzel né? Só que é um rapunzel cantora e moderninha, com canal do YouTube e tudo mais. E com direito a romancezinho nerd. Owwwnt ♥

Eu li fora de ordem, deixando o conto da Paula Pimenta por último. Claro que eu não me arrependi, pois fechou o livro com chave de ouro. Essa experiência com contos foi de longe a melhor que eu já tive. Não foram rápidos demais, nem incompletos. Transmitiram bem a mensagem sobre as princesas contemporâneas. Até me fizeram considerar a leitura de outros livros de contos, dos quais, como já disse, não sou muito fã.

Com certeza absoluta eu recomendo O Livro das Princesas para vocês. Gente na idade dos contos de fadas ou que já passou por ela, mães e filhas, todos vão adorar os contos e torcer para a Galera pensar em mais projetos bem sucedidos como esse. São algumas de nossas autoras preferidas se aventurando no contos de fadas e fazendo o maior sucesso ♥


segunda-feira, julho 29, 2013

Eu Li: Como Dizer Adeus em Robô - Natalie Standiford


Título:
Como Dizer Adeus em Robô
Autora:
Natalie Standiford
Editora:
Galera
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC

Com um toque melancólico, o livro conta a singular ligação entre Bea e Jonah. Eles ajudam um ao outro. E magoam um ao outro. Se rejeitam e se aproximam. Não é romance, exatamente mas é definitivamente amor. E significa mais para eles do que qualquer um dos dois consegue compreender... Uma amizade que vem de conversas comprometidas com a verdade, segredos partilhados, jogadas ousadas e telefonemas furtivos para o mesmo programa noturno de rádio, fértil em teorias de conspiração. Para todos que algum dia entraram no maravilhoso, traiçoeiro, ardente e significativo mundo de uma amizade verdadeira, do amor visceral, Como dizer adeus em robô vai ressoar profunda e duradouramente.



Ser robô é uma metáfora. Ser robô é não deixar os sentimentos invadirem o coração e o tornarem mais frágil, mas fácil de ser quebrado. Bea já não era muito a favor de sentimentos antes de se mudar para Baltimore, mas desde então a situação só se agravou. E sua mãe faz questão de chamá-la de robô sempre que Bea tem seus ataques ‘não sentimentais’. Ela realmente parece feita de lata. 

Jonah é conhecido como Garoto Fantasma desde que seu irmão gêmeo Matthew, que nasceu com danos cerebrais, morreu alguns anos antes junto com sua mãe em um acidente de carro. Ele está lá, mas parece não estar sabe? É apagado, irônico, com um olhar triste, quase invisível perante os outros. Ele é o que chamaríamos de esquisito em nível master.

Os dois juntos... é totalmente....hum..estranho? A relação deles não é nada parecida com algo que eu já tenha visto antes. Não é uma questão de romance, mas é que com ele Bea deixou de ser tão robô e com ela Jonah deixa de ser tão fantasma. Eles se amam de uma forma pura e nova para ambos. Mas Jonah tem questões mal resolvidas com seu pai e isso vai atrapalhar sua relação com Bea.

Eu gostei da estória, mas não me identifiquei com os personagens. E olha que eu já desejei várias vezes ser um pouco robô, só para não me deixar afetar muito pelas decepções, mas não consegui, e não consegui me identificar com ela. Nem com Jonah. A obsessão dele com Matthew é muito grande, ele fantasia muito, sei lá. 

A história é triste, e eu me emocionei muito em algumas partes, já em outras eu sentia vontade de desistir por causa de tanta tristeza. Natalie escreve bem, e apesar das reflexões que o livro traz realmente não me encantou tanto quanto outros livros que eu li. Não me identifiquei com os personagens, e acho que a tristeza foi demais pra mim. Apesar disso tudo, eu acho que muita gente vai gostar. É aquele livro que foge do comum, do que está sendo publicado em grande escala atualmente. Não é um grande romance, uma distopia, um livro sobrenatural. É diferente do que está sendo publicado, e isso já é muita coisa.

(3,5)

sábado, julho 27, 2013

Capa da Semana #8 - Brightly Woven, Alexandra Bracken

Brightly Woven é um livro que eu tenho, já li e resenhei no blog (resenha). Eu amei a estória, e para falar a verdade, só me interessei em ler a sinopse por causa da capa, que estava em destaque em uma das listas do Goodreads. É uma capa muito bonita, meio desfocada,borrada assim, o que há deixa com nos deixa com a sensação de a estarmos vendo através de um sonho, algo assim. A capa é mais linda ainda pessoalmente e o livro é tudo de bom!!


Just as the rains come after ten long, dry years, a young wizard, Wayland North, appears, to whisk Sydelle Mirabil away from her desert village. North needs an assistant, and Sydelle is eager to see the country - and to join him on his quest to stop the war that surely will destroy her home. But North has secrets - about himself, about why he chose Sydelle, about his real reasons for the journey. What does he want from her? And why does North's sworn enemy seem fascinated by Sydelle himself?
Through a journey that spans a country, magic and hard-won romance are woven together with precision and brilliant design by a first-time novelist.

quinta-feira, julho 25, 2013

[Promoção] Top Comentarista Julho e Agosto


Já estavam pensando que o Top Comentarista desse mês não ia sair né? Para dizer a verdade, eu também hehe. Mas acabei tendo um surto e resolvi fazer esse post. Bom , o TC dessa vez será para dois meses, julho e agosto, e premiará dois leitores do blog. Os prêmios são um exemplar de Simplesmente Ana e um exemplar de O Duque e Eu. O primeiro sorteado escolhe o livro que vai levar e o segundo sorteado fica com o outro livro, certo?
Bom, é isso. Todos os comentários nos posts de Julho e Agosto são válidos para a promoção. Boa sorte para todos!!!!


terça-feira, julho 23, 2013

Eu Li: Fani na Terra da Rainha - Fazendo Meu Filme #2 - Paula Pimenta


Título:
Fani na Terra da Rainha, Fazendo Meu Filme #2
Autora:
Paula Pimenta
Editora:
Gutenberg
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC

O livro mostra a história de Estefânia Castelino Belluz, a Fani. Cercada por personagens não menos cativantes e curiosos, nossa adorável menina vive uma história cheia de suspense, revelações surpreendentes e fortes emoções, agora, na Terra da Rainha. Partindo para uma vida longe dos antigos amigos, de sua família e de seu amor, ela conhece melhor seus sentimentos e passa a conviver com tantos outros até então desconhecidos. Hábitos e costumes diferentes, nova rotina, língua estrangeira. Essas mudanças são comuns aos que se aventuram a fazer um intercâmbio cultural em um outro país. Mas como será que Fani, uma garota encantadora, um tanto quanto tímida e cheia de vida, reage a tantas novidades?
Sem deixar de lado as amigas inseparáveis, a adolescente, que agora completa 17 anos, se comunica diariamente com sua turma por meio de e-mails e de conversas via MSN repletas de novidades sobre Brighton. É cada acontecimento! Tudo merece ser compartilhado! Apaixonada por filmes, Fani mal sabe que suas experiências na Inglaterra, onde foi muito bem-recebida por sua nova família, servirão como trailer para um de seus longas mais gostosos de serem vistos. Ou melhor, vividos.

Neste segundo livro da série Fazendo Meu Filme, Fani está aproveitando a oportunidade que surgiu de fazer um intercâmbio e indo para a Inglaterra por um ano. Ela está deixando para trás sua família, seus amigos e seu recém descoberto amor, mas sabe que é uma oportunidade única e que não pode desperdiça-la, por mais que a saudade aperte. 

Claro que não é fácil, e a sua vontade de desistir será grande demais, mais notícias do Brasil deixaram Fani magoada o suficiente para permanecer na terra da rainha até o final e conhecer muitas pessoas legais, como a família com quem está vivendo e um artista iniciando seu caminho para o sucesso, e que também ganhará um lugarzinho na vida de Fani. E apesar da Fani não estar no Brasil, ainda temos notícias de suas amigas, do Léo, de Sua família e etc. 

É mais um livro super bem escrito, e muito muito legal. É fácil se identificar com a Fani e seus dilemas, com seus sonhos, com suas amizades. E é fácil se imaginar na Inglaterra, falando inglês toda hora, estudando matérias diferentes, conhecendo pessoas diferentes. Adorei!

 É um livro bem fácil de ler, tanto que eu o li em seguida do primeiro, e terminei no mesmo dia. A Paula Pimenta é uma super escritora e eu virei fã dela logo depois de ter lido o primeiro livro. Já o li o terceiro livro, e aresenhas vai acabar saindo mais curta ainda só para não dar spoilers para vocês. Dá vontade de contar tudo, mas não posso! hehe


sexta-feira, julho 19, 2013

Capa da Semana #7 - Leap Of Faith, Jamie Blair

Mas uma vez o jogo de cores e a beleza dos modelos da capa me conquistou. Adoro essa capa e ainda pretende comprar o livro para ler. Eu gosto da sinopse do livro, parece interessante, apesar de conter algo clichê =D




Now that Leah Kurtz has a place to call home, there's no way she can tell the truth.
That her name is Faith, not Leah.
That she's seventeen, not nineteen.
That the baby isn't hers—she kidnapped her.
She had to kidnap Addy though. She couldn't let her newborn sister grow up like she did, with parties where the drugs flow all night and an empty refrigerator in the kitchen holding nothing but pickle juice and ketchup packets inside.
She can't risk losing Chris—the only guy she's ever given herself to completely—by telling him she's been lying. He's the most generous person she's ever known, and he's already suffered the tragic deaths of his mom and infant sister.
But being on the run with a newborn catches up with her when a cop starts asking questions, and Chris's aunt finds a newspaper article about Faith and a missing baby. Faith knows it's time to run again—from Chris and the only place that's ever felt like home.

quinta-feira, julho 18, 2013

Eu Li: O Projeto Rosie - Graeme Simsion


Título:
O Projeto Rosie
Autor:
Graeme Simsion
Editora:
Record
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC

Perto de completar 40 anos, o peculiar professor de genética Don Tillman havia desistido do amor. Para acompanhar sua rotina severamente cronometrada, com esquema de refeições padronizadas, um cronograma para a execução de cada compromisso (inclusive para a prática de exercícios físicos antes de dormir) e lidar com sua falta de habilidade social, só mesmo a mulher perfeita. E ele já sabe como encontra-la. Ou pelo menos acha que sabe. Ele desenvolve o projeto Esposa Perfeita, um questionário meticuloso que irá ajudá-lo a selecionar candidatas adequadas a seu estilo de vida. Mas quando Don conhece a jovem Rosie ele descobre que nem tudo na vida pode ser programado... e que o amor pode, de repente, vir a seu encontro.

Don e Rosie chegaram de surpresa em minha casa, isso por que eu não estava esperando receber O Projeto Rosie. Recebi sem nem saber do que se tratava direito, apenas com a informação de Don era um personagem único e, apesar da estranheza, apaixonante.

Bom, não me apaixonei por Don, mas ele é um personagem inesquecível. Nunca conheci personagem mais metódico, mais cheio de regras. Ele tem regra e tempo para tudo. É tudo minimamente planejado, a ponto de dar agonia com tamanha precisão. Só lendo para vocês entenderem. Sério, fico me perguntando de onde o autor tirou a ideia para a personalidade de Don.

Faz tempo que não rio tanto com um livro, e ele nem tem o objetivo de ser comédia, mas é que fica impossível não dar risadas do tipo 'que doidice' ou 'não acredito que ele disse isso', muito meno revirar os olhos. Revirei tanto que estava preocupada com uma possível sequela kkk. O Don é hilário! E ele é fofo, daquele tipo que dá vontade de carregar no colo até ele entender que a vida não é tão cheia de regras assim.

Rosie é outra figura. Totalmente o oposto do que Don considera a esposa perfeita, mas há algo nela que é fundamental para a relação entre os dois dar certo: ela o aceita como ele é. Apesar de ele não perceber a importância que isso tem no começo, logo começa a ver que a personalidade impulsiva de Rosie proporcionou a ele os melhores dias de sua vida, onde o planejado havia sido substituído pelo 'deixa rolar'.

O caminho que ele percorre do Projeto Esposa, tentando eliminar todas as características que ele não considera ideal e eliminando toda a espontaneidade, até Projeto Rosie é muito bonito. São muitos episódios hilários e muita confusão, muitas risadas e muita fofura. E o Don que a gente encontra no começo do livro não é o Don que encontramos no final. Graças ao acaso e ao amor. Owwwnt ♥

Adorei o livro! Não é o estilo que eu costumo ler, mas foi uma mudança mais que bem vinda. Recomendo para todo mundo, independente do gênero que você está acostumado a ler. É uma estória muito bem construída, com uma narrativa bem fluida, do tipo que você chega ao meio do livro sem nem perceber, além de possuir personagens com os quais você cria empatia. Totalmente recomendado!


segunda-feira, julho 15, 2013

Eu Li: Simplesmente Ana - Marina Carvalho


Título:
Simplesmente Ana
Autora:
Marina Carvalho
Editora:
Novo Conceito
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC

Imagine que você descobre que seu pai é um rei. Isso mesmo, um rei de verdade em um país no sudeste da Europa. E o rei quer levá-la com ele para assumir seu verdadeiro lugar de herdeira e futura rainha… Foi o que aconteceu com Ana. Pega de surpresa pela informação de sua origem real, Ana agora vai ter que decidir entre ficar no Brasil ou mudar-se para Krósvia e viver em um país distante tendo como companhia somente o pai, os criados e o insuportável Alex. Mudar-se para Krósvia pode ser tentador — deve ser ótimo viver em um lugar como aquele e, quem sabe, vir a tornar-se rainha —, mas ela sabe que não pode contar com o pai o tempo todo, afinal ele é um rei bastante ocupado. E sabe também que Alex, o rapaz que é praticamente seu tutor em Krósvia, não fará nenhuma gentileza para que ela se sinta melhor naquele país estrangeiro. A não ser… A não ser que Alex não seja esta pessoa tão irascível e que príncipes encantados existam. Simplesmente Ana é assim: um livro divertido, capaz de nos fazer sonhar, mas que — ao mesmo tempo — nos lembra das provas que temos que passar para chegar à vida adulta.

Simplesmente Ana é um conto de fadas estilo Diário de uma Princesa, e a própria protagonista da estória, Ana Carina, faz essa comparação entre sua vida e a vida de Mia.  Isso por que ela também descobriu, depois de grande, que seu pai era um rei, nesse caso o rei da Krósvia, um pequeno país escondido entre os grandes da Europa.

Sua mãe mentiu para ela a vida toda, dizendo que seu pai a havia abandonado ao saber que estava grávida, mas a verdade é que ela ficou assustada ao saber que teria um filho de um futuro rei, e por isso fugiu. Ana é uma estudante de direito em Minas Gerais, que tem um quase namorado, e que certo dia recebe uma mensagem no Facebook de um cara chamado Andrej que diz achar ser o pai dela. Que jeito peculiar de descobrir isso não? Hahaha

A vida de Ana vira de cabeça para baixo, e mesmo incerta sobre sua recepção na Krósvia, ela decide ir visitar seu pai em seu país natal. Lá ela encontra pessoas amorosas, como Irina e Karenina, e também encontra Alex, enteado de Andrej, que não deixa uma boa impressão, pois é rude com ela, mas que tem o potencial para ser O príncipe encantado! 

Eu gostei tanto do livro e me envolvi tanto na leitura que nem me atentei, como alguns outros leitores, a problemas na organização dos diálogos (alguns com aspas e outros com travessões). Eu estava tão entretida em saber como as coisas iam se desenrolar que essa questão passou despercebida e não me incomodou em nada.

É um livro muito legal, muito divertido, que relembra os sonhos de princesa,  tem uma personagem que não é aquele clichê ambulante de menina besta, pelo contrário, ela tem personalidade, e também tem um príncipe encantado muito do seu lindo kkkk. Lindo, com um temperamento forte, e que não busca a princesa em um cavalo branco, e sim em uma moto preta bem poderosa. A-D-O-R-O!



domingo, julho 14, 2013

Lançamentos de Julho da Galera Record

Muitos livros super aguardados estão entre os lançamentos de julho de Galera, entre eles O Livro das Princesas e A Desconstrução de Mara Dyer. Férias inesquecíveis garantidas! 



O Livro das Princesas - Meg Cabot, Paula Pimenta, Lauren Kate, Patrícia Barboza

Era uma vez... Em uma terra ensolarada, quatro princesas das letras se reuniram. E, com a ajuda da fada madrinha do talento, deram seu toque mágico a histórias muito amadas. E viveram felizes, para sempre! Era uma vez... Em uma terra ensolarada, quatro princesas das letras se reuniram. E, com a ajuda da fada madrinha do talento, deram seu toque mágico a histórias muito amadas. E viveram felizes, para sempre!
Leia o primeiro capítulo


Cair das Trevas - Amada Imortal #2 - Cate Tiernan
Segundo livro de bem-sucedida trilogia, mistura fantasia sobre imortais a uma história moderna de jovem em busca de si mesma e de redenção. Questões de identidade e moralidade aparecem na trama, protagonizada pela imortal Nastasya. No último outono ela buscou refúgio em River’s Edge, uma espécie de retiro espiritual onde ela e outros imortais tentam estabelecer a paz com seu passado tortuoso. Porém, em vez disso, tudo o que Nastasya descobriu — além de que detesta acordar cedo numa cama dura para catar ovos de galinhas furiosas — é que ela não está segura em lugar nenhum. Nem mesmo ao lado do cara/viking/deus grego mais gato do mundo, Ryen, que ela ainda não descobriu se é sua ruína ou sua última chance de ter um amor.Segundo livro de bem-sucedida trilogia, mistura fantasia sobre imortais a uma história moderna de jovem em busca de si mesma e de redenção. Questões de identidade e moralidade aparecem na trama, protagonizada pela imortal Nastasya. No último outono ela buscou refúgio em River’s Edge, uma espécie de retiro espiritual onde ela e outros imortais tentam estabelecer a paz com seu passado tortuoso. Porém, em vez disso, tudo o que Nastasya descobriu — além de que detesta acordar cedo numa cama dura para catar ovos de galinhas furiosas — é que ela não está segura em lugar nenhum. Nem mesmo ao lado do cara/viking/deus grego mais gato do mundo, Ryen, que ela ainda não descobriu se é sua ruína ou sua última chance de ter um amor. 
Leia o primeiro capítulo



A Desconstrução de Mara Dyer - Michelle Hodkin

Mara Dyer não sabe se é louca ou apenas assombrada. Tudo o que sabe é que tudo à sua volta morre. Basta ela querer... Mara Dyer acha impossível algo pior do que acordar em um hospital, sem memória. Ela acredita ter sido uma fatalidade o acidente que matou seus amigos e do qual ela escapou sem sequelas... físicas. E, depois de tudo o que aconteceu, ela acredita que seria impossível se apaixonar. Mara Dyer está errada...
Leia o primeiro capítulo. 





As Mais Fortes Sobrevivem - As Irmãs Sloane #2 - Anna Carey

Agora que pertencem oficialmente a uma única família, as irmãs Sloane estão condenadas a morarem juntas numa mansão no Upper East Side. Quando os pais partem para a lua de mel, as quatro irmãs são deixadas para trás. A ideia é aproveitar a oportunidade para aprenderem a lidar com a família recém-expandida. Mas a realidade é muito diferente. Aproveitando-se da ausência de supervisão, Cate e Stella decidem montar uma fraternidade exclusivíssima. E Lola e Andie acabam disputando o mesmo gatinho.
Leia o primeiro capítuto. 





A Misteriosa Sociedade Benedict e a Jornada Periculosa - Trenton Lee Stewart

Quando um anúncio um tanto estranho aparece no jornal, dúzias de crianças consideradas “espertas” se inscrevem para fazer uma série de provas misteriosas e complicadíssimas. Mas, no final, apenas quatro crianças muito especiais conseguem ser aprovadas. O desafio: partir em uma missão secreta que só os mais inteligentes e criativos seriam capazes de completar. Mas, quando a nova amizade que cresce entre elas está ameaçada, será que vão conseguir passar no teste mais importante de todos?
Leia o primeiro capítulo. 

sexta-feira, julho 12, 2013

Capa da Semana #6 - The Unbecoming of Mara Dyer, Michelle Hodkin

Essa capa é muuuiitooo, muitoooo linda! Sério, será quem alguém acha o contrário? Eu nem sei explicar os motivos de eu achá-la tão linda, só sei que ela é. As fotos foram feitas dentro d'água, e a capa tem todo um significado, como se fosse o Noah Shaw, um dos protagonistas, salvando a Mara Dyer de se afogar em si mesma e em sua tristeza. Confiram algumas das outras fotos lindas que foram feitas no ensaio para as capas da série.

Eu já fiz resenha dos dois primeiros livros da série, The Unbecoming of Mara Dyer e The Evolution of Mara Dyer, e estou esperando ansiosamente por The Retribution of Mara Dyer, terceiro livro da trilogia, que estava previsto para outubro desse ano mas só vai ser lançado em junho de 2014 /o\ 

A Galera Record vai publicar a trilogia no Brasil, e o lançamento de A Desconstrução de Mara Dyer está previsto para esse mês, provavelmente no finalzinho YAY YAY! Agora todo mundo vai surtar junto comigo!!


Mara Dyer doesn’t think life can get any stranger than waking up in a hospital with no memory of how she got there.
It can.
She believes there must be more to the accident she can’t remember that killed her friends and left her mysteriously unharmed.
There is.
She doesn’t believe that after everything she’s been through, she can fall in love.
She’s wrong.

terça-feira, julho 09, 2013

[Promoção] Métrica (Slammed) ♥




Depois de ler a resenha aqui no blog e ver tantos comentários maravilhosos sobre o livro por aí, quem é que ficou com vontade de ler Métrica? Todo mundo certo? É por isso que, de presente para vocês e com o profundo desejo que mais pessoas se apaixonem pela estória, a promoção de Métrica está NO AR

Quer concorrer a um exemplar? Então deixe seu nome de seguidor no comentário, preencha as informações no Rafflecopter e boa sorte! 


segunda-feira, julho 08, 2013

Eu Li: Will & Will - John Green e David Levithan


Título:
Will & Will
Autores:
John Green, David Levithan
Editora:
Galera Record
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC

Em uma noite fria, numa improvável esquina de Chicago, Will Grayson encontra... Will Grayson. Os dois adolescentes dividem o mesmo nome. E, aparentemente, apenas isso os une. Mas mesmo circulando em ambientes completamente diferentes, os dois estão prestes a embarcar em um aventura de épicas proporções. O mais fabuloso musical a jamais ser apresentado nos palcos politicamente corretos do ensino médio.

Eu aprecio Tiny Cooper. Sim, aprecio muito. Aprecio sua coragem de subir em um palco e contar para uma plateia lotada tudo sobre sua vida, sobre sua homossexualidade, sobre o preconceito, sobre seus ex-namorados. Sim, por que Will & Will é sobre dois Will Grayson que se encontram, mas também é sobre o modo como esse grande encontro e Tiny Cooper mudam a vida dos dois.

Will Grayson é amigo de Tiny Cooper desde que eram crianças, e sempre soube e aceitou o fato de Tiny ser gay. Will possui meio que um lema de vida, que é ficar calado e seguir as regras. Ele não contesta as coisas, não age, não se impõe. Ele deixa as coisas seguirem e quem sabe levarem-no a algum lugar.

“Somo amigos há tempo demais para escolher, mas, se pudéssemos escolher, eu escolheria você.”

Will Grayson 2 (doravante mencionado como WG) tem depressão profunda e toma remédios para isso. Nunca admitiu ser gay, não mantém relacionamentos duradouros com as pessoas, e nutre uma paixão profunda por um rapaz que conheceu na internet e se chama Isaac. Nunca viu Isaac antes, mas o encontro que marcam o deixa em polvorosa, e é durante esse encontro que sua vida vai mudar, pois o destino acontece, e Will Grayson e Tiny Cooper entram em sua vida para mudá-la para sempre.

Tiny Cooper rouba a cena por onde passa. Ele é grande, tipo 1,98 m, e grande para os lados também. E é gay, nas palavras de Will Grayson “a maior pessoa do mundo que é muito, muito gay, e também a pessoa mais gay do mundo que é muito, muito grande”. Ele está totalmente envolvido na produção de um musical escolar para contar sobre sua vida, o Tiny Dancer, onde ele será ator-cantor-produtor-diretor. Claro que ele vai envolver e encantar muitas outras pessoas, como eu, uma simples leitora, na produção “do mais fabuloso musical a jamais ser apresentado nos palcos politicamente corretos e tediosos do ensino médio“.

Eu demorei um pouco para me envolver na estória, isso porque eu achava que ela ia por um caminho quando na verdade ia por um caminho totalmente diferente. Mas depois eu entrei na estória e me deixei levar. Os capítulos são alternados entre os pontos de Will Grayson e WG, e cada autor escreveu sobre um deles. E é possível notar as diferenças de escrita e como cada um conseguiu mostrar com habilidade as personalidades dos dois Will.

Will & Will é um livro repleto de amor e aceitação, e não é à toa que a gente se apaixona por ele. E ri muito no processo! E se emociona também. E eu termino essa resenha com um quote de Tiny Cooper:

“Talvez haja alguma coisa que vocês tenham medo de dizer, ou alguém que vocês temam amar, ou algum lugar aonde têm medo de ir. Vai doer. Vai doer por que é importante. (...) Mas acabei de cair e ir ao chão, e ainda estou aqui de pé para lhes dizer que é preciso aprender a amar a queda, porque o importante é a queda. (...) se deixe arrebatar pelo menos uma vez. Deixe-se arrebatar!”


Chegou Pra Mim #73

Eu recebi muitos livros nessas semanas que não tivemos vídeo. São livros que eu estava desejando ler, só preciso conseguir que a Hermione me empreste o vira-tempo dela agora, por que a situação tá grave...rsrs Nem consegui gravar o vídeo, tive que tirar fotos mesmo. Mas em breve os vídeos voltam ;)

Há umas duas semanas atrás chegaram Métrica (Slammed), da Colleen Hoover. Eu ameeei o livro e vocês podem conferir a resenha aqui. Junto com ele veio Como Dizer Adeus em Robô, da Natalie Standiford. Ambos são da Galera Record


Depois chegou Will&Will, do John Green e do David Levithan, cuja resenha será postada ainda hoje ♥ E de surpresa chegou ontem o livro O Projeto Rosie, do Graeme Simsion, lançamento da editora Record. O livro é um fofura por fora, e é minha próxima leitura. Vamos ver se eu vou me apaixonar pelo Don também rs.


Os próximos livros são todos da Novo Conceito, e eu os recebi há um tempinho atrás, mas não mostrei no vídeo para não ficar muito grande. Bom, abaixo o livro Só Tenho Olhos Para Você, da Bella Andre, quarto livro da série Os Sullivans. 


Entre o Amor e a Paixão, da Lesleay Pearse, e é a sequência de Belle, também publicado pela Novo Conceito. Sangue Na Neve, da Lisa Gardner, está na minha lista de próximas leituras urgente, já que eu adorei o outro livro dela que li e creio que essa vá ser melhor ainda *-*


Liberta-me, da Tahereh Mafi, sequência de Estilhaça-me, e Paperboy, do Pete Dexter


Bom, é isso. Vou fazer o máximo para o próximo chegou pra mim ser em vídeo. Até! 


domingo, julho 07, 2013

Lançamentos de Julho da Novo Conceito

A Novo Conceito estará lançando seis novos títulos neste mês de Julho. Alguns de autores já conhecidos pelo público brasileiro e outros de autores novos no Brasil. Finalmente teremos o volume final da série Beijada Por Um Anjo e o segundo volume da série Ladrão de Almas. Vamos que vamos para mais um mês recheado de livros! =D



A Garota do Penhasco - Lucinda Riley
A Garota do Penhasco é um romance que enreda o leitor através de vários fios: a história de Grania Ryan e sua querida Aurora Devonshire, a garota do penhasco, nos fala sobre mudança de vida. A história das famílias Ryan e Lisle é um lindo conto sobre um século de mal-entendidos e rancor entre inimigos que se acreditam enganados por falcatruas financeiras. O caso de amor entre Grania Ryan e Lawrence Lisle comove por sua delicadeza e força vertiginosa que culmina em imensa tristeza. Mas, sobretudo, A Garota do Penhasco é um livro que mostra como é possível encontrar uma finalidade, um propósito, quando todas as esperanças parecem perdidas. “De ritmo tenso e original, este é um romance envolvente sobre recuperação, resgate, novas oportunidades e amor perdido.” -- Booklist


De Volta Para Casa - Karen White
Cassie Madison fugiu de Walton, Geórgia, para Nova York quando soube que sua irmã, Harriet, e seu amor, Joe, tinham-na traído e iam se casar. Ao chegar em Manhattan, sua ideia era se reinventar, mergulhar de cabeça na carreira e até mesmo perder o sotaque provinciano. Tudo para apagar seu passado marcado pela traição e por uma família que não lhe tratara com o devido cuidado. Mas, numa noite, um único telefonema de sua irmã trouxe de volta tudo que ela pretendia esquecer. Com o pai muito doente, ela foi obrigada a fazer a viagem de volta e, enquanto arrumava as malas, seus maiores medos eram que o pai morresse sem que ela pudesse estar com ele e... encontrar a família feliz que Harriet e Joe tinham construído. Já em Walton, Cassie percebe que enfrentará uma imensa batalha particular, porque, afinal, ela não consegue deixar de amar seus sobrinhos — e nem deixar de se sentir em casa, naquela cidadezinha de sua infância. Enquanto se divide entre o rancor e a esperança, velhas e queridas lembranças e uma mágoa insustentável, o destino arrumaria uma forma de aproximá-la do que realmente importa: o verdadeiro amor.


Refém da Obsessão - Alma Katsu
Havia uma parte em Lanny que queria ser punida. Um pedaço de seu coração que acreditava que ela merecia o horror de ser imortal, a tristeza de ver todos aqueles que amara partirem, enquanto ela só podia conviver com as perdas e as lembranças. Terríveis e solitárias lembranças. Este “dom”, oferecido pelo mais malvado dos homens, Adair, era, para ela, a resposta a uma pena que ela deveria cumprir. Mas, apesar das culpas e do castigo que pensava merecer, ela ainda sonhava. E esperava ser redimida por ter dado a Jonathan — seu grande amor — o esquecimento que purifica todo ser de sua dor: a morte. No entanto, bem no fundo de sua alma, ela suspeitava que, fosse o que fosse que a atraísse para Adair (e para sua maldade), fosse qual fosse o infeliz sentimento que os aproximara, este sentimento não fora totalmente exorcizado. Não importava que ela tivesse chegado ao cúmulo de emparedar aquele homem mau e deixá-lo para apodrecer, não importava que o tempo tivesse passado, nem que, hoje, ela pudesse contar com o apoio e os braços fortes e acolhedores de Luke... Adair estava por perto, ela podia senti-lo, e seu poder era inexorável. “Este é o segundo livro da trilogia de Alma Katsu, que começou com o bem recebido Ladrão de Almas. Esta sequência mantém-se fiel ao primeiro título da autora...” --Publishers Weekly


A Menina que Semeava - Lou Aronica
Chris Astor é um homem de seus quarenta e poucos anos que está passando pelo mais difícil trecho de sua vida. Ele tem uma filha, Becky, de 14 anos, que já passou imensas dificuldades até chegar a se tornar uma moça vibrante e alegre, mas que parece que terá que enfrentar mais um grande problema em sua vida. Quando Becky era pequena e teve câncer, Chris e ela inventaram um conto de fadas, uma fantasia infantil que adquiriu vida e tornou-se um terrível, provavelmente fatal, problema. Agora, Chris, Becky e Miea (a jovem rainha da fantasia criada por pai e filha) terão que desvendar um segredo: o segredo de por que seus mundos de fantasia e realidade se juntaram neste momento. O segredo para o propósito disso tudo. O segredo para o futuro. É um segredo que, se descoberto, irá redefinir a mente de todos eles.A menina que semeava é um romance de esforço e esperança, invenção e redescoberta. Ele pode muito bem levá-lo a algum lugar que você nunca imaginou que existisse. Uma fantasia que trabalha assuntos densos como a separação dos pais, oncologia infantil, separação de filha e pai, adolescência. A menina que semeava não é um livro sobre adolescentes comuns. É sobre uma que se deparou prematuramente com a ameaça do fim e teve de tentar aprender a lidar com ele.


Eternamente - Beijada por um Anjo 6 - Elizabeth Chandler
Os apaixonados, Tristan, o anjo, e Ivy, a mortal, finalmente conseguem se tocar. Isto só pode acontecer porque Tristan ocupou um corpo, o corpo de Luke. Mas Luke era procurado pela polícia — que não sabe que ele está morto e continua a persegui-lo. Portanto, Tristan torna-se, sem querer, um alvo da polícia. Da polícia e do verdadeiro criminoso, a quem não interessa ver Luke vivo. É preciso dar fim a esta perseguição. O casal precisa esclarecer rapidamente toda a confusão em que Luke se meteu. Mas, ao conviver com pessoas perigosas e chantagistas — e insistir em fazer o que for para ficar perto de Ivy —, o anjo aproxima-se das coisas ruins que podem levá-lo a fraquejar e perecer, especialmente agora, que ele é um anjo caído. Por causa de Ivy, Tristan vem se aproximando cada vez mais das forças mundanas e das trevas — e de Gregory também. Por outro lado, Gregory vem aumentando seu poder, especialmente depois que possuiu o corpo de Beth. E esse desequilíbrio de forças pode acabar em uma triunfante vitória do mal. A não ser que Ivy tome a frente dessa batalha...


Aconteceu em Paris - Molly Hopkins
Evie Dexter quer fazer carreira como guia de turismo. Determinada como é, e cheia de coragem por causa de um ou outro drink, ela logo começa a “melhorar” seu currículo. E consegue um ótimo emprego: acompanhar turistas por toda Paris.Agora é só uma questão de se firmar como profissional demonstrando o seu melhor. Mas os vinhos franceses são tão gostosos... E seu tutor, Rob, é bonito demais!
O primeiro romance de Molly Hopkins é um livro que todo mundo gostaria de ler. É verdade que você pode se incomodar com o comportamento de Evie quando ela descobre que Rob é muito rico, e pode até ser que você ache que Rob é exageradamente controlador. Mas nada é maior que as gargalhadas que você dará quanto mais conhecer a garota descomedida, apaixonada e com um imenso coração que é Evie. Uma moça como muitas que conhecemos.

sábado, julho 06, 2013

Lançamentos de Julho da editora Arqueiro

Mais um mês cheio de lançamentos na editora Arqueiro. Tem romance de época, romance erótico, romance policial...tem livro para todos os gostos! Eu estou particularmente interessada nos em O Julgamento de Gabriel e Sedução ao Amanhecer, mas O Menino da Mala também me atrai rs. Vamos ver o que eu consigo ler esse mês :D



O Poder da Espada - A Primeira Lei - Joe Abercrombie

Sand dan Glokta é um carrasco implacável a serviço da Inquisição de Sua Majestade. Nas mãos dele, os supostos traidores da Coroa admitem crimes, apontam comparsas e assinam confissões - sejam eles culpados ou não. Por ironia, Glokta é um ex-prisioneiro de guerra que passou dois anos sob tortura.
Mas isso nunca teria acontecido se dependesse de Logen Nove Dedos. Ele jamais deixaria um inimigo viver tanto tempo. Só que isso foi antes. Agora ele está decidido a mudar. Não quer ser lembrado apenas por seus feitos cruéis e pelos muitos inimigos que se alegrarão com sua morte.
Já a felicidade do jovem e mulherengo Jezal dan Luthar seria alcançar fama e glória vencendo o Campeonato de esgrima, para depois ser recompensado com um alto cargo no governo que lhe permitisse jamais ter um dia de trabalho pesado na vida. Mas há uma guerra iminente e ele pode ser convocado a qualquer momento. Luthar sabe que, nos campos do Norte gelado, o embate segue regras muito menos civilizadas que as do esporte.


Sedução ao Amanhecer - Lisa Kleypas

O cigano Kev Merripen é apaixonado pela bela Win Hathaway desde menino. Ela tem a saúde fragilizada e sua única chance de recuperação é ir à França.
Enquanto Win está fora, Kev se dedica a coordenar os trabalhos de reconstrução da propriedade da família, transformando-se num respeitável administrador. Quando a menina retorna, ela está acompanhada de seu  médico, um cavalheiro sedutor que demonstra um óbvio interesse por ela e desperta o ciúme de Kev.
Será que Win conseguirá enxergar por baixo da couraça de Kev o homem que um dia conheceu? E será que o cigano terá coragem de confrontar um perigoso segredo do passado para não perder a mulher da sua vida?



O Julgamento de Gabriel - Sylvain Reynard

Após uma viagem romântica para a Itália, durante a qual Gabriel ensina a Julia todos os mistérios do prazer e, em troca, aprende com ela o significado do amor verdadeiro, os dois veem seus sonhos ameaçados. Duas denúncias junto ao Comitê Disciplinar da Universidade põem em risco o emprego de Gabriel e a carreira brilhante e promissora de Julia. Será que o professor vai ceder às ameaças ou irá lutar até o fim por sua amada? Será que essa paixão conseguirá resistir a um julgamento implacável? Na apaixonante sequência de O inferno de Gabriel, Sylvain Reynard constrói uma bela história de amor, da qual os leitores jamais se esquecerão.



Uma Questão de Segundos - Harlan Coben

A tragédia se abate sobre a cidade de Kasselton quando, num suposto assalto, a mãe de Rachel, amiga de Mickey Bolitar, é morta e a garota baleada.
O jovem herói não perde tempo e começa a investigar o caso. Mais uma vez, ele encontra uma estranha  ligação com o Abrigo Abeona.
Determinado a proteger os amigos, ele se dá conta de que nada é o que parece ser.






O Menino da Mala - Lene Kaaberbøl e Agnete Friis

Atendendo a um pedido de sua amiga Karin, Nina Borg vai à estação ferroviária de Copenhague buscar uma mala. Dentro, encontra um menino de 3 anos nu e dopado, mas vivo.
A única que pode esclarecer esse absurdo é Karin, mas ela é brutalmente assassinada. Nina se dá conta de que sua vida está ameaçada e que o garoto também precisa ser salvo.
Neste primeiro livro da série da enfermeira Nina Borg, vendido para 27 países, as autoras Lene Kaaberbøl e Agnete Friis apresentam uma heroína que busca fazer justiça em meio à crueldade do mundo.
“Os fãs de Stieg Larsson irão adorar O menino da mala. Nina Borg é uma versão ainda mais atraente de Lisbeth Salander e agradará especialmente ao público feminino.” Publishers Weekly


Private - Suspeito nº 1 - James Patterson e Maxine Paetro
Jack Morgan é dono da Private, uma renomada agência de investigações que tem entre seus clientes algumas das pessoas mais ricas e poderosas do mundo. Ao voltar para casa de uma viagem de negócios, ele encontra a ex-namorada morta em sua cama, com um tiro à queima-roupa. Para a polícia, Jack é o principal suspeito.
A equipe da agência está às voltas com mais três casos, mas quando Jack é preso, fica cada vez mais difícil  provar sua inocência e vários clientes começam a desistir de seus serviços.
Para evitar a ruína total, Jack precisa enfrentar um inimigo que parece conhecê-lo melhor do que ninguém. E o perigo pode estar mais perto do que ele imagina.


E aí, estão animados para ler algum? Qual(is) deles? 

sexta-feira, julho 05, 2013

[Resultado] Top Comentarista de Junho



O resultado demorou para sair por causa da falta da internet, e depois da várias tentativas de sorteio (pois alguns sorteados não deixam as opções 'curtir' do Facebook ativas e outros não curtiam), finalmente temos uma vencedora. 


Parabéns Cristiane! Envie seus dados até domingo de noite para o e-mail garotapaidegua@hotmail.com 

Quem não ganhou, verifique se a página do blog está aparecendo nas opções 'curtir' do Facebook, e se é possível para qualquer um acessar essas informações. Bom, de qualquer forma tem outras promoções vindo por aí, e só promoção boa!!  ;)




Capa da Semana #5 - Shadowlands, Kate Brian

Shadowlands é o primeiro volume de uma série. O segundo livro, Hereafter, foi lançado nos EUA agora em 2013 e sua capa com certeza vai aparecer por aqui =D. A Kate Brian, autora do livro, tem suas obras publicadas no Brasil pela Galera Record, e inclusive sua outra série, Exclusivo, já tem os quatro primeiros volumes publicado por aqui.

O que eu gosto na capa de Shadowlands é a disposição e a fonte do título, o céu nublado, os corvos rondando a menina, o vestido dela, o jogo de cores....É uma capa muito bonita, mesmo. 



Rory Miller had one chance to fight back and she took it. Rory survived and the serial killer who attacked her escaped. Now that the infamous Steven Nell is on the loose, Rory must enter the witness protection program. Entering the program alongside her, is her father and sister Darcy. The trio starts a new life and a new beginning leaving their friends and family behind without a goodbye.
Starting over in a new town with only each other is unimaginable for Rory and Darcy. They were inseparable as children but now they can barely stand each other. As the sisters settle in to Juniper Landing, a picturesque vacation island, it seems like their new home may be just the fresh start they need. They fall in with a group of beautiful, carefree teens and spend their days surfing, partying on the beach, and hiking into endless sunsets. Just as they’re starting to feel safe again, one of their new friends goes missing. Is it a coincidence? Or is the nightmare beginning all over again?

E aí, o que vocês acham dela?

quinta-feira, julho 04, 2013

[Enquete] Capa da Semana 1-4

Demorou um pouco, mas finalmente a enquete do primeiro mês de Capa da Semana está no ar!! Para quem não sabe, há uma nova coluna no blog, e se chama Capa da Semana. Nessa coluna, que vai ao ar toda sexta, eu posto as capas mais bonitas que eu já encontrei nas minhas buscas por novas leituras ;) 

As capas já postadas são as seguintes:

Ever, da Jessa Russo;
Dance of Shadows, da Yelena Black;
Some Quiet Place, da Kelsey Sutton; e
Incarnate, da Jodi Meadows.

Comentou nos posts e votou na enquete? Então você está concorrendo ao livro que for mais votado ;)
Não comentou ainda? Então comentem até sábado, 23:59. Domingo será o sorteio ;)

terça-feira, julho 02, 2013

[Resultado] Promoção O Futuro de Nós Dois

Finalmente conseguir dar meus pulos para postar o resultado para vocês. Ainda estou sem internet, e sem previsão de mudar essas status. Obrigada pela paciência e espero que continuem assim rsrs. Bom, foi muito grande o número de participações! Obrigada gente! Continuem visitando e comentando para que possamos fazer sorteios cada vez mais legais! 

Bom, vamos conhecer o(a) sortudo(a)? 



Parabéns Vanessa Hellmann! Você tem até três dias para entrar em contato pelo e-mail garotapaidegua@hotmail.com. 

Quem não ganhou, não se desespere! Tem promoção de férias, de romance de época e novo top comentarista vindo aí!

segunda-feira, julho 01, 2013

Eu Li: Métrica (Slammed #1) - Colleen Hoover

Título:
Métrica
Autora:
Colleen Hoover
Editora:
Galera Record
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC


O romance de estreia de Colleen Hoover, autora que viria a figurar na lista de best sellers do New York Times, apresenta uma família devastada por uma morte repentina. Após a perda inesperada do pai, Layken, de 18 anos, é obrigada a ser o suporte tanto da mãe quanto do irmão mais novo. Por fora, ela parece resiliente e tenaz; por dentro, entretanto, está perdendo as esperanças. Um rapaz transforma tudo isso: o vizinho de 21 anos, que se identifica com a realidade de Layken e parece entendê-la como ninguém. A atração entre os dois é inevitável, mas talvez o destino não esteja pronto para aceitar esse amor.

‘Poesia, amor e tragédia’ – essas três palavas estão escritas na contracapa do livro e são perfeitas para definir esse livro tão lindo. Nunca torci tanto para dois personagens, nunca torci tanto para a vida ser menos dura com eles e deixá-los serem felizes.

Como não torcer para dois jovens que tiveram suas próprias tragédias pessoais se entenderem e serem felizes? Como não tocer para que Will, um rapaz de 21 anos que perdeu seus pais aos 19 e tem que criar sozinho seu irmão de 9, Caulder, não seja feliz? Como não torcer para Layken, que aos 19 anos sente uma tristeza profunda por ter perdido o pai e ter se mudado do único lar que conheceu por problemas financeiros? Se os problemas terminassem por aí seria ótimo, mas não terminam. Há mais tristezas e obstáculos reservados para eles, e isso deixa o coração de qualquer leitor apertado.

“Neste momento, não sou mesmo capaz de compreender como deve ser ter o coração partido de verdade. Se eu sentir uma dor apenas um por cento mais forte do que a que eu já sinto agora, abdico do amor. Não vale a pena.” Pág. 76

E o Slam gente? Nunca tinha ouvido sobre isso antes, mas estou morrendo de vontade de ir a alguma competição. Para quem não sabe, como eu não sabia, Slam é uma competição de poesia original, onde a pessoa usa a voz e o corpo para transmitir a mensagem contida na poesia. É lindo!! A estória ficou mais bonita ainda permeada de poemas e trechos de músicas de The Avett Brothers (no início de cada capítulo) que já são poetas por si mesmos.

Os personagens secundários poderiam muito bem ser considerados principais, de tão importantes que são, de tão bem que integram a estória toda fazendo ela ser mais bonita e apaixonável. Julia, mãe de Layken e Kel, o irmão super inteligente e que adora falar de trás pra frente; Caulder, irmão de Will; Eddie, amiga de Layken e que apasar de sua história triste é uma pessoa feliz e agitada, e Gavin, seu namorado e que tem aquele estilo amigão para toda hora rs.

E a escrita de Colleen me fez chorar de rir e rir enquanto chorava. Eu lia trechos que me faziamir lágrimando e a vista ficar toda embaçada, ao mesmo tempo em que estava com um sorriso no rosto por causas da lições aprendidas. Os livros que mais gosto são aqueles que deixam uma mensagem comigo, algum tipo de aprendizado, que mexem lá no fundo do coração, e com Métrica aconteceu isso. Colleen fez eu me colocar no lugar dos personagens e ponderar sobre o que faria no lugar deles.



“Às vezes, a vida fica no meio do caminho.

Fica totalmente no meio do seu maldito caminho.

Mas ela não fica totalmente no meio do seu maldito

caminho por querer que você desista e deixe que assuma o

controle. A vida não fica totalmente no meio do seu

maldito caminho só porque quer que você deixe tudo nas

mãos dela e seja levado por ela.

A vida quer que você lute.

Que aprenda a fazer uma vida sua.” Pág. 292


É um livro lindo, maravilhoso, que se tornou favorito e vai ficar no meu coração


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo