sexta-feira, outubro 28, 2016

Nerdice Pai D'égua #15 - Livros de terror/horror para ler no Halloween

Quanto mais trevoso, melhor!
E aí, pessoal. Tudo bem? Ansiosos pelo Halloween? Nesse novo e trevoso episódio de Nerdice Pai D'égua vamos fazer algumas indicações de livros para dar aquela sobrecarregada nas entidades das trevas e trazer o terror para esse mundo. (Sério, tem uns livros aí que são traumatizantes...) Vamos lá:

1 - Os Três e O Quarto dia - Sarah Lotz


Os dois livros de Sarah Lotz se passam no mesmo universo. Os Três acontece alguns anos antes (em 2012): no mesmo dia 4 aviões caem, praticamente na mesma hora e em pontos distintos do globo. Três crianças sobreviveram milagrosamente a essa tragédia e uma das vítimas conseguiu deixar uma mensagem enigmática por telefone, antes da queda. O livro se desenvolve com um texto que lembra muito uma Creepypasta: vários relatos de pessoas distintas vão sendo expostos tentando chegar a uma conclusão se algo sobrenatural está acontecendo ou não, em meio a várias teorias da conspiração e anúncios do apocalipse. O segundo livro, O Quarto Dia, se passa alguns anos depois na virada do ano de 2016 para 2017. Um cruzeiro desapareceu sem deixar rastros e reapareceu alguns dias depois completamente abandonado. São encontrados apenas dois corpos e todos os outros tripulantes simplesmente sumiram. O livro vai contando através da visão de 7 personagens diferentes o que ocorreu nesse navio, após o Quarto dia de viagem quando, aparentemente, tudo começa a dar errado. Os dois livros tem ligações bem sutis e tem que prestar bastante atenção para pegá-las. Ambos são um tanto claustrofóbicos (principalmente o segundo) e não focam exatamente em assustar o leitor. Mas, cada vez que você compreende uma ligação entre os personagens ou entre os livros, dá pra sentir um arrepio na espinha. Mais bizarro ainda é a imersividade das duas tramas: você acredita que todos aqueles personagens existem e passa até a sofrer com eles. As resenhas de ambos podem ser conferidas Aqui (Os Três) e Aqui (O quarto dia).

2 - Alien - Alan Dean Foster


Alien é um clássico de terror do cinema do mestre Ridley Scott. A novelização escrita por Alan Dean Foster não fica atrás. Os  7 tripulantes da nave Nostromo estão viajando pelo espaço em sono criogênico, quando são despertados antes da hora para atenderem um pedido de socorro. A viagem ao planeta e o retorno à nave, aparentemente tranquilos, trazem uma surpresa inesperada: um oitavo passageiro oculto e que pode estar em qualquer lugar (inclusive dentro de você). Agora, como enfrentar essa criatura desconhecida dentro num espaço tão confinado como uma nave espacial? 
Outro livro extremamente claustrofóbico: a Nostromo é praticamente uma prisão e o 7 passageiros são apenas as iscas para o Alien. O livro cumpre em ser bem imersivo e faz você mergulhar na ideia de ser perseguido por uma besta desconhecida dentro de um espaço limitado de onde não há saídas.






3 - Tubarão - Peter Benchley

Outro clássico dos cinemas, esse de Steven Spielberg. O livro de Peter Benchley é a obra original que foi adaptada para as telas em 1975. A cidade praiana de Amity sempre é visitada por muitos turistas, até que um tubarão começa a atacar as praias. Sem muitas opções sobre o que fazer, alguns habitantes da cidade decidem caçar o animal. A trama inicial é bem simples, mas o livro foca bastante nos "personagens humanos" e essas tramas secundárias vão dando construção à trama principal. As cenas dos ataques do Tubarão são extremamente sangrentas e violentas (sério, a primeira vítima sofreu de verdade). Aqui temos um outro tipo de terror bem mais brutal e agressivo. Sangue é o que não falta nesse livro. Em alguns momentos você começa a ter a sensação de que o Tubarão é extremamente sádico.







4 - Misery: Louca Obsessão

Claro que em qualquer lista de terror que se preze tem que ter pelo menos um livro do mestre Stephen King. Minha escolha foi por Misery, por trazer um outro tipo de terror (talvez o mais brutal de todos): aquele em que as próprias pessoas são os monstros. 
Paul Sheldon é um autor de sucesso que acabou de finalizar seu novo livro. Ao sair para dirigir um tanto bêbado, acaba se envolvendo num acidente e é resgatado por Annie Wilkes, uma enfermeira psicótica que é sua fã nº1. Ensandecida pelo fato de Paul ter matado sua personagem preferida, Misery, Annie obriga o autor a escrever um novo livro e, cada vez que ele se rebelar, um castigo terrível o aguarda.
Esse livro é extremamente pesado. Paul Sheldon passa maus bocados nas mãos de Annie e não há como tentar prever como o livro terminará. Stephen King mostrar muito bem como ele é o mestre, inserindo o terror nas menores sutilezas da trama. Um exemplo: Annie detesta palavrões e fala isso ao longo do livro inteiro. Quando ela profere um pela primeira vez você entende o quanto a situação está tensa. Já fizemos um Na tela comparando o livro ao filme. Você pode ler Aqui

5 - Série Gone - Michael Grant

E, se até agora eu estava classificando os livros com seus tipos de terror, chegamos àquele que possui um pouco de cada. A série Gone é composta de 6 livros e aqui tem de tudo um pouco: monstros misteriosos, terror psicológico, claustrofobia e o terror causado pelos próprios humanos. Piora? Claro que sim: imagine tudo isso e some personagens que tem no máximo 15 anos. 
A trama se passa na cidade de Praia Perdida. Num dia, de repente, todos os adultos desaparecerem do nada. Surge uma cúpula em volta da cidade que impede qualquer pessoa de sair dali. Todas as crianças passam a ter que sobreviver sozinhas sem ajuda de pais ou parentes. Além disso, algumas começam a desenvolver poderes estranhos. Alguns animais também. 
Eu sofri muito lendo essa série. Ao longo dos seis livros os personagens mudam brutalmente e muita gente morre das formas mais loucas, trágicas, dolorosas e asquerosas possíveis. E o pior de tudo: todos os personagens são crianças e adolescentes. 
Você pode conferir resenhas mais detalhadas de cada livro nos links a seguir:
O último livro (Luz) ainda não saiu no Brasil.

Espero que tenham curtido todas as dicas. Até a próxima!

Obs: não esqueça de seguir a gente no Twitter, Facebook e Instagram.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo