sexta-feira, dezembro 26, 2014

Eu Li: Felizes Para Sempre - Quarteto de Noivas #4 - Nora Roberts


Título:
Felizes Para Sempre
Autora:
Nora Roberts
Editora:
Arqueiro
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC

Em Felizes para sempre, último livro da série Quarteto de Noivas, você vai
descobrir que o amor não avisa que está a caminho e, quando chega, vira
seu mundo de cabeça para baixo.
Parker Brown sabe que subir ao altar é um dos momentos mais extraordinários na vida de um casal. Por isso ela administra a Votos a bem-sucedida empresa de organização de casamentos que fundou com suas três melhores amigas com pulso firme e muita dedicação.
Seu dia de trabalho começa cedo às vezes de madrugada, quando alguma noiva ansiosa lhe telefona aos prantos. Mas ela não se importa. Cada vez que ajuda uma mulher a escolher o vestido perfeito para o grande dia ou vê o sorriso nervoso e feliz de um noivo no altar, ela sente que está dando sua contribuição para uma história igual à de seus pais.
Porém a rica, linda e inteligente Parker também quer ser feliz no amor. Só que, em vez do intelectual sensível que sempre esteve em seus planos, parece que o destino lhe reservou uma surpresa.
Malcolm Kavanaugh é um mecânico de automóveis e ex-dublê de filmes de ação. Amigo do irmão de Parker, ele não tem vergonha de elogiar as belas pernas da moça e, com suas mãos ásperas, faz com que a empresária certinha e controladora simplesmente perca o chão.
Agora eles vão descobrir que, mesmo com suas diferenças, podem completar um ao outro. E quem disse que o príncipe encantado não pode chegar numa Harley-Davidson?

Último livro de série. Que dor no peito, amigos. Nora Roberts, a rainha do romance (é o que dizem e estou fortemente inclinada a acreditar), fecha a série “Quarteto de Noivas” (tem resenha de “Álbum de casamento”, “Mar de Rosas” e “Bem Casados” aqui no blog também) de forma maravilhosa, feliz e satisfatória. 
E agora quero casar também!

Mac, Emma e Laurel estão encaminhadas para seus respectivos casamentos e os preparativos estão em pleno vapor. Afinal, elas são sócias da Votos, a empresa de realizações dos casamentos mais badalados do condado, e suas festas terão um toque mais especial por causa dos laços emocionais que a cercam.

Parker Brown cuida de todos os detalhes dos casamentos de suas amigas e ainda dá conta das clientes regulares. Parker é a pessoa mais organizada que já se teve notícias e sempre tem tudo sob controle. Resolver problemas é sua especialidade e é isso que a faz tão bem sucedida como organizadora dos casamentos da Votos. Por conta disso, ela não sabe lidar com a confusão que Malcolm Kavanaugh causa em sua vida e em seu coração.

Mal é amigo de Del, seu irmão e noivo de Laurel, por isso Parker não pode simplesmente ignorá-lo. Não que seja fácil não perceber sua presença. Mal exala testosterona com seu ar perigoso e selvagem, sua motocicleta e jeans rasgado. (Já comentei que ele é mecânico?! UM MECÂNICO GATO E SEXY! Isso configura fantasia literária realizada!)

E o mais incomodo: ele tem mania de agarrá-la em qualquer lugar e dar uns beijos de arrancar o fôlego até de quem está lendo e não tem nada a ver com isso (eu mesma, oi). A princípio, a relação deles é bem engraçada porque Mal é abusado e Parker não costuma tolerar esse tipo de comportamento, porém ela não consegue controlá-lo. E isso faz dele um espécime único.

Logo que os encontros começam a ficar mais frequentes e que o sexo (frequentemente selvagem) entra na conta, Parker e Mal não conseguem nomear o que está acontecendo entre eles. E, claro, suas amigas que estão com “síndrome de noivas” (que consiste em ver tudo do prisma do amor) não a deixam escapar.

"- Isso é pegação mútua, um affair ou um relacionamento para valer?
- Por que não podem ser as três coisas?
- Ora, pegação mútua é só para se divertir e se satisfazer. Um affair já é mais profundo, é um tipo de relação que pode ou não resultar em algo mais. Mas em geral é o que se tem até o tesão acabar e cada um ir para o seu lado... Já um relacionamento para valer é algo em que você se empenha, tem a ver com criar laços e mantê-los. Pode haver elementos tanto da pegação quanto de affair em um relacionamento para valer, mas ele é bem maior que a soma das partes."

A verdade é que Mal teve alguns problemas na juventude e não gosta de falar sobre o assunto e Parker quer ter um relacionamento totalmente honesto e aberto. Se Mal não conseguir se abrir, não conseguir se mostrar inteiro, o relacionamento com Parker corre sério risco de esmorecer. Mas amar é ter confiança e Mal e Parker vão aprender sobre isso no decorrer da história.

“Felizes para sempre” é a conclusão perfeita de uma série perfeita. Quero que vocês compreendam que Nora Roberts escreve de uma forma maravilhosa. É um texto corrido, onde tudo na história se encaixa e não tem nada desnecessário. São diálogos inteligentes e espirituosos, personagens marcantes e incríveis e um enredo completo.

Ela aborda amor, amizade e dificuldades de uma forma realista (para o que ela se propõe. Os personagens são ricos e bem-resolvidos e vocês vão perceber como faz todo o sentido) e divertida e é uma experiência maravilhosa ler esses livros.

Meu quarteto favorito, e seus respectivos amores lindos, vão me deixar morrendo de saudades e espero de coração que vocês, leitores, tenham a experiência de conhecê-los e amá-los, como eu. Agora que a série está completa, podem ir sem medo. Se bem que acho de boa ler qualquer livro, mesmo que fora de ordem. Cada livro fecha bem sua história e a visão do todo só a deixa mais incrível.

Meu homem favorito continua sendo Carter, de “Álbum de Casamento”, porém Jack, Del e Mal não ficam atrás no quesito: VAM CASAR!

Leiam, leiam e venham surtar comigo nos comentários! 



Fernanda Karen Estudante de Serviço Social com o coração no curso de Letras. Apaixonada por séries, dramas e café. Bookaholic  irrecuperável e promíscua literária. Eventualmente estou trocando um de meus rins por livros muito desejados. (Qualquer coisa é só entrar em contato). Amo YA, ficção-fantasia, clássicos (brasileiros, portugueses, ingleses, latinos etc), chick-lits... Perceberam que meu preconceito literário é zero? Ops, quase zero; não leio auto-ajuda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo