sexta-feira, abril 28, 2017

Eu Li: Os Mistérios de Sir Richard - Julia Quinn

Título:
Os Mistérios de Sir Richard
Autora:
Julia Quinn
Editora:
Arqueiro
Série:
Quarteto Smyth-Smith
Ano:
2017

Adicione ao Skoob


Sir Richard Kenworthy Tem menos de um mês para encontrar uma esposa. Ele sabe que não pode ser muito exigente, mas quando vê Iris Smythe-Smith se escondendo atrás de seu violoncelo no musical anual das Smythe-Smith, Richard acha que conheceu alguém muito valiosa. 

Ela é o tipo de mulher que passa despercebida até a realização de um segundo ou terceiro olhar de outra forma. Mas há algo nela abaixo da superfície, algo quente e ele sabe que ela é única. Iris Smythe-Smith...Ela está acostumada a ser subestimada, com seu cabelo claro e tranquila, mas há uma personalidade astuta que ela tende a esconder, e ela gosta dessa forma. Então, quando Richard Kenworthy se aproxima com galanteios e flertes, parece suspeito. 
Dando a impressão de um homem que se rende ao amor, mas ela. não pode acreditar que tudo é verdade. Quando sua proposta de casamento se torna uma situação comprometedora obrigatória, você não pode deixar de pensar que há algo escondido por trás disso. . . mesmo que o seu coração diz sim
Oi gente, primeiramente gostaria de agradecer a todas as 90 lindas pessoas que puderam comparecer ao nosso 4º encontro de fãs de romances de época. Se você por algum motivo não soube ou não conseguiu ir, tudo bem, você também é um lindo(a) e vamos aguardar e ficar de olho nos próximos eventos! Ok?

Como coloquei no evento, levei mais tempo para digerir este livro do que os demais da série, pois eu terminei o livro meio atacada com o personagem masculino principal. Mas vamos lá... hoje é dia de ´´treta`` das mais travosas, é basicamente isso que acontece no livro... Vamos logo ao assunto pois estamos todos ansiosos para ver como termina a saga do quarteto mais desafinado da literatura...

O livro ´´Os Mistérios de Sir Richard`` inicia de forma nada pretensiosa, afinal uma história que começa com um cavalheiro que está procurando uma jovem noiva e com um bom dote não é novidade para nenhum leitor de romances de época, o que de fato chama a atenção nesse caso em especifico de Sir Richard é o tempo em que ele tem que arranjar uma noiva...é tipo para ontem! Na narrativa dele vemos que está correndo contra o tempo para se casar, e o motivo não fica aparente.

Logo ele parte para Londres para encontrar com seus amigos de escola e se atualizar sobre que são as Ladys elegíveis, e para começar a frequentar as rodas sociais. E adivinha por onde ele começa? Você chutou certo se disse que ele começou no concerto das Smyth-Smith. Onde ele conhece Iris, a única musicista na família que sabe de fato tocar bem seu instrumento.

Ele começa uma investida bem agressiva sobre cortejar Iris, o que a deixa logo desconfiada, pois apesar de sua aparência singela ela tem uma mente muito sagaz e uma natureza desconfiada. Ela começa a estranhar os motivos pelos quais ele, tão lindo como é, escolheu logo ela para cortejar. Pois como a irmã dela diz, ela é o que a sociedade considera como sem cor. Muito pálida com cabelos muitos claros e olhos gelados. Mas ainda assim ela não impede que ele prossiga, pois a meu ver ela queria saber a onde ele queria chegar com esse cortejo inesperado.

Bem, chegou a um pedido de casamento muito rápido e logo em seguida a um escândalo que obrigou (de certa forma) Iris a aceitar o pedido. Apesar de Iris concordar em casar com ele com uma licença especial e logo após o casamento partir para o campo e sua nova casa, de certa forma podemos ver ainda em Iris no decorrer da narrativa, aquela pulga atrás da orelha. Ou aquela dúvida do porque eu?

Então ela deixou tudo para trás: seu antigo sobrenome, sua antiga casa, sua irmã chata, e sua amada família, até a leitura e Orgulho e Preconceito ela deixou para trás. Para ir atrás de um homem que ela acha atraente, que forçou um casamento com ela, que parece não querer nem tocar nela e que ela não conhece. Rumo ao campo para ver se no fim da história ela consegue descobrir o que aconteceu para ele ter forçado a situação do casamento e depois ter medo de tocar nela.

Eles passam dias na estrada para chegar a casa deles, e nessa trajetória eles passam a se conhecer um pouquinho. Mas Iris ainda estranha ele falar pouco da família e dele mesmo. Então eles chegam na casa e algumas respostas começam a aparecer, mas nenhuma delas vai superar os mistérios por trás da proposta de casamento de Sir Richard.

Admito que fiquei chocadíssima com o motivo dele e fiquei com raiva. Conversei com algumas amigas, que tinham lido o livro ou que não se importavam com spoilers e elas tentaram me fazer entender ele e tals...mas eu ainda estava chateada com o motivo dele.

O livro é bem escrito e muito revelador... e de fato a Julia Quinn caprichou no plot twiste mas só fui dar o braço a torcer para o livro semanas depois de ter lido ele. Depois aceitei ele melhor no quarteto, só acho que ele é bem mais dramático que os demais livros dessa série. O que não quer dizer necessariamente uma coisa ruim!

Então, fica a dica...e até o próximo post!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo