terça-feira, setembro 06, 2016

Eu Li: Um Novo Amanhã - A Pousada #1 - Nora Roberts


Título: Um Novo Amanhã

Autora: Nora Roberts

Editora: Arqueiro

Adicione ao Skoob

A tradicional pousada da cidade de Boonsboro já viveu tempos de guerra e paz, teve diversos donos e até sofreu com rumores de assombrações. Agora ela está sendo totalmente reformada, sob direção dos Montgomerys, que correm para realizar a grande reinauguração dentro do prazo.

Beckett, o arquiteto da família, é um charmoso conquistador que passa a maior parte do tempo falando sobre obras, comendo pizza e bebendo cerveja com seus irmãos Ryder e Owen. Atarefado com a pousada, ultimamente nem tem desfrutado de uma vida social decente, mas pretende mudar logo isso para atrair a mulher por quem é apaixonado desde a adolescência.

Depois de perder o marido na guerra e retornar para Boonsboro, Clare Brewster leva uma vida tranquila cuidando de sua livraria e dos três filhos. Velha amiga de Beckett, ela volta a se reaproximar dele ao ajudar nos preparativos da pousada.

Em meio a essa apaixonante reconstrução, rodeados de amigos, Beckett e Clare passam a se conhecer melhor e começam a vislumbrar um futuro novo e promissor juntos.

Neste primeiro livro da trilogia A Pousada, Nora Roberts apresenta o romântico Beckett Montgomery, que, ao buscar realizar o sonho de sua família, acaba deparando com um amor que pensava estar esquecido.

Fazia um bom tempo que eu não lia um livro da rainha Nora Roberts. Um novo amanhã me fez lembrar um pouco o porquê de eu amar tanto essa mulher. Ela tem um jeito cativante de montar um romance, que muitas vezes é clichê, mas nós não conseguimos deixar de amar ler. 

Um novo amanhã segue a história de Becket, o arquiteto e o irmão do meio da família Montgomery, dona de vários patrimônios na pequena cidade de Boonsboro. O novo patrimônio adquirido é uma antiga pousada, que está sendo reconstruída pela família, sendo mantido o mesmo uso de antes.

Becket é um cara maravilhoso, como poucos encontrados atualmente (meninos! Não to generalizando, sei que existem homens incríveis por aí) e mesmo tendo uma vida de conquistador (mas nem tanto assim no momento, por causa do trabalho), ele ainda é apaixonado pela mesma garota desde a adolescência. Agora que a mesma voltou para a cidade, viúva e com três filhos é uma luta para ele olhar para ela com apenas amizade (que foi como ele sempre se permitiu olhar). 

Clare é uma mulher forte (como a maioria das protagonistas da autora), uma mãe maravilhosa que passou por muita coisa para conseguir criar os filhos sozinha e construir um negócio próprio depois da morte do marido. Para ela, Becket foi sempre um amigo por quem de repente ela passou a sentir atração por. 

Os dois passam a tentar uma chance de serem felizes e descobrirem o que realmente sentem um pelo outro. Isso leva a um romance consistente com alguns problemas no caminho. É muito adorável o crush do Becket pela Clare e dá até uma peninha dele, já que todo mundo vê isso, menos ela. Os irmãos dele sempre arranjam um modo de sacanear ele por isso.

Falando com sinceridade, o relacionamento com a família é um dos pontos fortes do livro, já que dá pra perceber o quanto eles são unidos e o quanto todos os filhos amam a mãe, o pai e como os amigos são tratados como família. Muito bonito notar como eles são felizes em trabalhar no que trabalham, porque foi o que eles aprenderam desde criança a amar, logo é muito precioso notar em como essa tradição está sendo passada adiante.

Confesso que eu amo romances que tem como pano de fundo construções e reforma de casas antigas, e no caso de Nora Roberts, isso sempre significa um fantasma pra assombrar com uma história incrível para ser revelada. 

Já li livros muito melhores da autora, mas lançados atualmente foi o que mais se assemelhou ao estilo de escrita de antigamente. O amor da família um pelo o outro e por aquilo que fazem sempre me cativa nos livros da Nora, então vale muito a pena ler. 

E olha que noticia maravilhosa: o livro (a trilogia) é baseado na pousada que a autora é dona. Como no livro, os quartos são realmente nomeados com os nomes de casais da literatura, inclusive de Eve e Roarke, casal da série que a autora escreve com o pseudônimo de J.D Robbs (Abaixo segue a foto da pousada pra que vocês leiam já imaginando esse cantinho maravilhoso que existe no mundo).

Olha a pousada aí gentee!!
:D

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo