quinta-feira, setembro 08, 2016

Eu Li: O Eterno Namorado - A Pousada #2 - Nora Roberts

Título: O eterno namorado
Autora: Nora Roberts

Editora: Arqueiro

Adicione ao Skoob

Tudo o que acontece na vida de Owen Montgomery é meticulosamente organizado em uma planilha ou lista de tarefas. No trabalho não é diferente, e é graças a sua obsessão por ordem que a Pousada Boonsboro está prestes a ser inaugurada – dentro do cronograma.

A única coisa que Owen jamais previu foi o efeito que Avery MacTavish teria sobre ele. A proprietária da pizzaria em frente à pousada sempre foi amiga da família e agora, enquanto vê em primeira mão a fantástica reforma pela qual o lugar está passando, também observa a mudança gradativa de seus sentimentos por Owen.

Os dois foram namorados de infância, e desde então tinham estado bem distantes dos pensamentos um do outro. O desejo que começa a surgir entre eles, porém, não tem nada de inocente e é impossível de ignorar.

Enquanto Owen e Avery decidem se render à paixão e levar seu relacionamento a um nível mais sério, a inauguração da pousada se aproxima e dá a toda a cidade um motivo para comemorar. Mas quando os traumas do passado de Avery batem à porta e a impedem de se entregar, Owen sabe que seu trabalho está longe de terminar. Agora ele precisa convencê-la a baixar a guarda e perceber que aquele que foi seu primeiro amor pode também ser seu eterno namorado.

Na última resenha eu contei um fato interessante de que a pousada onde se concentra a trama do livro realmente existe! Isso não é um amor? E a dona é a própria autora, diva, linda Nora Roberts. Sabendo desse fato, ler essa trilogia desperta ainda mais minha imaginação (Gente até onde aquilo é ficção?). 

Com essa informação em mente, vamos para o segundo livro. O eterno namorado trás a história de Owen, o irmão mais certinho, mais organizado e o mais fofo né? 

Owen sempre foi o cara que resolve os problemas, os pormenores do trabalho e por que não? Ele se liga nos detalhes e presta atenção em tudo para que nada saia dos eixos. O que não tava nos planos dele, nem nas listas do coitado era Avery. 

Avery era líder de torcida no ensino médio que mudou radicalmente de vida ao construir um restaurante italiano e se sair muito bem nisso. Ela é uma garota forte, independente e bastante agitada e isso sempre ajudou ela a dar conta do próprio negócio. 

O romance dos dois se desenvolve com um pequeno empurrão, mas já estava lá desde a infância dos dois. Diferentemente de Becket e Clare, que tinham mais uma relação cortês do que de grandes amigos antes de partirem para algo mais, Owen e Avery desde o começo eram bons amigos que claramente dariam um ótimo casal. 

Além disso nós vemos também já o inicio do romance de Hope (a nova gerente da pousada) e Rider (MEUS FAVORITOS, VOU LOGO DIZENDO), assim como vemos a vida que segue de Becket e Clare e outros personagens do livro anterior. 

Saber que o livro é realmente algo contínuo onde não foi esquecido as histórias além da do casal principal é muito legal, ainda mais quando vemos o mistério, que envolve o fantasma casamenteiro da pousada, ir avançando e despertando ainda mais a curiosidade do leitor. 

Eu não gostei tanto do segundo livro quanto do primeiro. Claro que nós temos um romance fofo entre amigos de infância, mas em certos momentos me faltou algo mais, talvez um desenvolvimento maior pra história da vida de Avery. O livro então é mais monótono que o primeiro, mas tem um romance cheio de lições, o que é suficiente para fazer um leitor viciado em Nora Roberts amar cada pedacinho dele. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo