segunda-feira, junho 06, 2016

Eu Li: Entre a culpa e o desejo - Sarah MacLenan


Título:
Entre a culpa e o desejo
Autora:
Sarah MacLean.
Série:
O clube dos Canalhas #2
Editora:
Gutenberg.

Adicione ao Skoob

Lady Philippa Marbury não é como as jovens de sua época. A brilhante filha do marquês de Needham e Dolby se preocupa mais com seus livros e experimentos do que com vestidos e bailes. Para ela, um laboratório é muito mais atraente que uma proposta de casamento, e é por isso que, ao ser prometida a um noivo com quem não tem nada em comum, Pippa tem apenas duas semanas para empreender seu último experimento: descobrir todos os prazeres e todas as delícias da vida antes de passar o resto de seus dias ao lado de alguém que ela mal conhece.

Como boa cientista que é, Pippa investiga a vida do homem que parece ser a cobaia ideal para realizar suas experiências: Sr. Cross, o atraente sócio do cassino mais famoso e cobiçado de Londres, um libertino cuja má-fama foi cuidadosamente construída sobre o vício e a devassidão. Um canalha perfeito para explorar suas fantasias e satisfazer sua curiosidade sem manchar sua reputação de moça de família.
Mas o que Pippa não sabe é que, por baixo das aparências, Cross esconde segredos obscuros e que, ao receber a proposta da garota, ele está diante de uma oferta que pode destruir tudo aquilo que durante anos ele se esforçou para proteger.

Terrivelmente tentado a se envolver nessa aventura que promete o mais puro prazer sem qualquer outra emoção, tudo o que Cross deseja é dar a Pippa exatamente o que ela quer, mas ele sabe que ninguém sai ileso do caminho da satisfação e, assim, Cross terá de usar cada miligrama de sua força de vontade para não perder o controle e resistir à tentação de entregar à jovem muito mais do que ela ousa imaginar.
Oi gente...vamos surtar juntos com mais um livro de época (lindo) da editora Gutenberg? #SIM ou #CLARO.

Esse livro já começou com uma história engraçada...entrei na Saraiva e descobri uma promoção, e sai logo toda empolgada comprando o livro da série. Depois disso corri para minha reunião com a Vivi e outros Blogueiros para fecharmos data de eventos e tals...e descobri que tinha comprado o terceiro livro da série...chorei horrores! E tive que esperar um mês para comprar o livro da resenha de hoje que é o segundo da série, mas não o segundo resenhado! Nem preciso dizer, que não aguardei adquirir o segundo livro para ler o terceiro...kkkk

Muito esperado e valeu muito a pena! Esse livro conta a história da Philippa Marbury, a irmã da personagem Penélope, mocinha do livro 1 da série. Pippa, é uma jovem muito diferente das demais, e não só no quesito beleza, porque pela descrição dela, eu não a achei feia. Ela se destaca pela racionalidade. Ela está noiva de um homem nobre tão vivido quanto um abacaxi. Ela usa óculos e acredita que tudo na vida pode ter uma resposta coerente e racional.

Pippa não gosta de não saber das coisas que a instigam, e é por isso, por querer saber como ser uma boa mulher para o seu futuro marido que ela invade o cassino mais badalado da cidade, e que também é do seu cunhado, e sentada confortavelmente no escritório de Cross, um dos sócios donos do Anjo Caído, esperando ele acordar, revira os cálculos do livro contável do cassino e ainda tem o espírito de corrigir ele, um homem que dificilmente está errado.

Quando questionada sobre o porque de sua inesperada invasão, ela calculadamente fala que foi pedir que ele a arruíne! (pausa dramática).

Cross tem acesso aos podres de todos os homens mais importantes da cidade, e já escutou de tudo, menos uma mulher intelectual e racional pedindo a ele que a introduza na arte de flertar e seduzir, para que ela possa aplicar o conhecimento ao seu marido, e assim honrar com os seus deveres de mulher. E gente, isso não foi um meio que ela achou para ganhar o coração dele. Ela queria de fato aprender para empregar com outra pessoa.

O livro todo é divertidíssimo! As formas altamente científicas que a Pippa achou para convencer o Cross a ceder e ensina-la são hilárias. E ele quase (reafirmo aqui...quase) resistiu até que um dia ela ia desistindo dele quando conheceu a prostituta mais requisitada da cidade, e começou a falar tranquilamente com ela e perguntar sobre o papel da mulher em certos atos, e isso tirou Cross definitivamente do sério.

O que Pippa não sabia, é que o Cross tem um passado muito sombrio e foge dele. E toda vez que Pippa força ele até seu limite com as perguntas inconvenientes para ela, provocadoras para ele, ele chega mais perto do limite respeitável de ficar longe dela e passa a ser assombrado cada vez mais por seus passado.

Com o decorrer do tempo de estudo, e posso dizer que Pippa se torna muito aplicada e curiosa a aprender, ela também vai aprendendo que nem tudo na vida pode ser racionalmente entendido, só profundamente sentido e vivido. O decorrer das aulas também vai fazendo Cross ficar daca vez mais desarmado contra a linda e inteligente Pippa.

Achei interessante, que o pano de fundo da trama foi totalmente ofuscado pela interação deles, na minha humilde opinião. E a autora deu um final muito no estilo de Pippa para a trama e um bom fechamento para o mistério de Cross.

Espero que vocês curtam tanto a história quanto eu!

Beijos e até a próxima resenha.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo