terça-feira, maio 12, 2015

Eu Li: Ligeiramente Maliciosos - Os Bedwyn #2 - Mary Balogh + PROMOÇÃO!


Título:
Ligeiramente Maliciosos
Autora:
Mary Balogh
Editora:
Arqueiro
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC

Após sofrer um acidente com a diligência em que viajava, Judith Law fica presa à beira da estrada no que parece ser o pior dia de sua vida. No entanto, sua sorte muda quando é resgatada por Ralf Bedard, um atraente cavaleiro de sorriso zombeteiro que se prontifica a levá-la até a estalagem mais próxima.
Filha de um rigoroso pastor, Judith vê no convite do Sr. Bedard a chance de experimentar uma aventura e se apresenta como Claire Campbell, uma atriz independente e confiante, a caminho de York para interpretar um novo papel. A atração entre o casal é instantânea e, num jogo de sedução e mentiras, a jovem dama se entrega a uma tórrida e inesquecível noite de amor.
Judith só não desconfia de que não é a única a usar uma identidade falsa. Ralf Bedard é ninguém menos do que lorde Rannulf Bedwyn, irmão do duque de Bewcastle, que partia para Grandmaison Park a fim de cortejar sua futura noiva: a Srta. Julianne Effingham, prima de Judith.
Quando os dois se reencontram e as máscaras caem, eles precisam tomar uma decisão: seguir com seus papéis de acordo com o que todos consideram socialmente aceitável ou se entregar a uma paixão avassaladora?
Neste segundo livro da série Os Bedwyns, Mary Balogh nos conquista com mais um capítulo dessa família que, em meio ao deslumbramento da alta sociedade, busca sempre o amor verdadeiro.

Pensei que meu encanto pelo casal do primeiro livro seria insuperável ao longo dessa série mas, felizmente, me enganei. No primeiro livro eu me surpreendi por causa da diferença de contexto, da bagagem dos personagens. Nesse segundo livro a autora me encantou mais ainda, pois me senti próxima de Judith de um jeito único, no jeito como ela se sente, na vontade fazer uma coisa louca sem medo de se arrepender.  

Judith foi criada por um religioso, seu pai, que sempre a ensinou a se cobrir, cobrir seus cabelos, vestir roupas largas, etc. Judith sempre acredito que era feia e que por isso precisava se esconder tanto. Devido aos gastos insanos de seu irmão tentando pertencer a alta sociedade e buscando evitar que uma de suas irmãs perdesse a oportunidade de se casar com alguém que amassem, Judith aceita se tornar dama de companhia  na casa de sua tia pra tirar as despesas com ela das costas de seu pai. No caminho para a casa da tia acontece um acidente com a diligiência que a levava e diante da oferta de "carona" de um senhor distinto em seu cavalo, Judith decide assumir a identidade de Claire Campbell e fazer algo louco pelo menos uma vez na vida.

Claire Campbell é uma mulher independente, um atriz talentosa. Ela aceita a oferta de Ralf Bedard para levá-la até a hospedaria mais próxima, ao mesmo tempo esperando viver uma aventura maravilhosa, que por causa da atração imensa entre os dois logo se transforma em uma tórrida noite de amor. O que Judith não desconfia é que Ralf também não é quem diz ser, pois é ele Rannulf bedwyn, irmão do Duque de Bewcastle, e está indo conhecer sua possível futura noiva, prima de Judith. E claro, quando os dois se reconhecerem, a atração voltará com tudo e ficará difícil disfarçar. Em meio a diferença de classes entre eles, a insegurança de Judith e a vontade de fazer o que é certo de Rannulf, essa história ainda vai dar muito o que falar. 

E deu muito o que falar, e eu acompanhei cada página com o coração acelerado, torcendo para mais e mais interações entre eles, para que Rannulf percebesse logo seus sentimentos e Judith pudesse recuperar um pouco de sua auto-estima. Foi uma história super diferente para mim por causa da personalidade de Judith, frágil, mas com uma força esperando para ser descoberta. O modo como ela precisa se aceitar, o modo como ele precisa aceitá-la, superando seus preconceitos e dando ouvido ao coração é muito legal, muito fofo, e e eu ficava com vontade de comemorar a cada pequena evolução do casal.

Agora o personagem que mais me deixa curiosa é o próprio duque de Bewcastle. Cara, ele é muito arrogante, muito superior aos pobres mortais. Fico imaginando como será quando ele se apaixonar, qual será a personalidade de sua parceira. só sei que ela deverá ter uma paciência de Jó e dar umas boas respostas bem na cara dele para ele deixar de ser metido. O próximo livro ainda não é o dele, e sim de Freyja, que promete uma história muito interessante, pois ela já se apaixonou uma vez e acha que nunca mais vai se apaixonar. Ansiosa *-*





~PROMOÇÃO!

Para dar a oportunidade de algum leitor sortudo ler esse livro super, super legal, o blog, em parceria com a editora Arqueiro, está sorteando um exemplar de Ligeiramente Maliciosos. Para participar é só ter um endereço de entrega no Brasil, preencher as entradas obrigatórias no formulário abaixo, e torcer muito! Ah, comentários na resenha valem pontos extras :D


a Rafflecopter giveaway



~RESULTADO!

Parabéns Jois Duarte! Você tem até domingo para enviar seus dados para o e-mail garotapaidegua@hotmail.com.

Aguardem as próximas promoções pessoal :D

9 comentários:

  1. Estou doida pra ler esse livro, amei o primeiro dessa série, Ligeiramente Casados, curto muito romance de época e depois de ler essa resenha tenho certeza que vou amar ainda mais esse Ligeiramente Maliciosos, já estou super curiosa em ler o próximo e conhecer a história da exótica Freyja.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Romances de época conquistam fácil,e a editora Arqueiro só está investindo nas melhores obras. Certeza de gostar da série toda haha

      Excluir
  2. eu ja conhecia a família Bedwyn antes mesmo de ter conhecido os Bridgertons, mas meu amor por essas duas famílias não tem limites. Amo apaixonadamente o casal de Ligeiramente Casados, mas confesso que a historia que mais me arrancou suspiros foi a da Freyja e estou mais do que ansiosa para ter seu livro em mãos ! Obrigada editora arqueiro por ter comprado e publicado essa série fantástica !!! Amo romances de época *_ _ _ _ _ *

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. To ansiosa pelo livro da Freyja! E pelo do Bewcastle. Já leste o dele? *-*

      Excluir
    2. Já o meu preferido ! Pensa numa mulher forte que poderia ser qualquer uma de nós... quero o marido dela pra mim também...kkkkk

      Excluir
  3. Olá!
    Li esse livro e simplesmente amei.
    Ainda não li o segundo e já quero. Li fora de ordem e não atrapalha em nada.
    Me senti maisi perto de Judith tbm deve ser pq é plebeia rsrs
    Não saia que o terceiro é sobre a Freyja. OMG já quero

    *obs: a opção twett acho que está com a frase errada , está de outra promo de top bjs

    http://malucaspor-romances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie!

      O fato de ser plebeia ajuda na proximidade mesmo hahahaha. Obrigada por avisar sobre o Twitter, já corrigi.

      Beijos!

      Excluir
  4. Eu tô numa vibe de romances de época e a cada dia mais apaixonada pela Arqueiro pelo ótimo trabalho que vem fazendo com essas publicações. Acabei de ler os Hataways e os Bridgertons ♥ Minha próxima leitura será esta série.Amo mocinhas que não são sonsas e mocinhos decididos, mesmo que no início precisem de um certo empurrãozinho.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo