segunda-feira, janeiro 12, 2015

Eu Li: Simplesmente Acontece - Cecelia Ahern

Fernanda Karen Estudante de Serviço Social com o coração no curso de Letras. Apaixonada por séries, dramas e café. Bookaholic  irrecuperável e promíscua literária. Eventualmente estou trocando um de meus rins por livros muito desejados. (Qualquer coisa é só entrar em contato). Amo YA, ficção-fantasia, clássicos (brasileiros, portugueses, ingleses, latinos etc), chick-lits... Perceberam que meu preconceito literário é zero? Ops, quase zero; não leio auto-ajuda.
- See more at: http://www.garotapaidegua.com.br/#sthash.8hrStxdO.dpuf

Título:
Simplesmente Acontece
Autora:
Cecelia Ahern
Editora:
Submarino | Saraiva | FNAC

O que acontece quando duas pessoas que foram feitas uma para outra simplesmente não conseguem ficar juntas? Todo mundo acha que Rosie e Alex nasceram para ser um casal. Todo mundo menos eles mesmos. Grandes amigos desde criança, eles se separaram na adolescência, quando Alex se mudou com sua família para os Estados Unidos. Os dois não conseguiram mais se encontrar, mas, através dos anos, a amizade foi mantida através de emails e cartas. Mesmo sofrendo com a distância, os dois aprenderam a viver um sem o outro. Só que o destino gosta de se divertir, e já mostrou que a história deles não termina assim, de maneira tão simples.


Este livro está no pódio dos mais adoráveis do ano de 2014. Cecelia Ahern, sempre incrível, trouxe uma história fabulosa para deliciar o leitor que gosta de romances leves e engraçados. Os outros livros que li de Cecelia tinham um tom de superação e “Simplesmente Acontece” também tem esse quê de positivo, mas de uma maneira maravilhosamente (tragi)cômica.

Alex e Rosie são melhores amigos desde crianças. Eles aprontam todas durante grande parte da infância e adolescência até que Alex se muda para os EUA. Rosie fica na Irlanda, mas o contato entre os dois é bem frequente.  Então chega o dia da formatura do ensino médio. Alex perde o voo e não consegue chegar para o baile e Rosie é obrigada a ir com um babaquinha que ela detesta. Bem, a partir daí a história toma rumos que sequer imaginei e HAHAHHAHHAHAAHAH Ai, que maravilha! (E foi nesse ponto que descobri o porquê do brinde do livro ser uma camisinha. Comentários abertos para teorias.)

A história trata de toda a vida de Alex e Rosie. Erros e acertos, dúvidas e certezas e, acima de tudo, desamores e o silêncio.

“... Foi naquele momento que surgiu o silêncio. Um silêncio muito esquisito. Começamos a nos olhar como se estivéssemos nos vendo pela primeira vez. Foi como se o mundo parasse de girar apenas para nós. Um silencio mágico e estranho.”

O ponto interessante: toda a narrativa é feita por algum tipo de correspondência. Toda, amigos! Conhecemos nossos personagens, desde a infância até a vida adulta, por meio de cartas, e-mails, bilhetes, cartões, chat, mensagens de celular e coisas do gênero. Estranhei bastante no começo; ainda mais levando em consideração a troca de bilhetes das crianças com seus erros gramaticais, ou palavras reduzidas, mas depois que a leitura tomou pé, não parei mais.

As correspondências não são trocadas apenas por Alex e Rosie. Também tem bilhetes da coordenação da escola, cartas de cobranças, e-mails de chefes, infinitos chats com amigos, etc. Só de lembrar a história quero correr para lê-lo de novo! O enredo é extremamente divertido e, em certos pontos da vida deles, muito emocionante. Quem me via lendo achava que eu era bipolar porque estava rolando de rir em uma página e quando virava para a outra já estava tremendo o beiço. Coisas que só leitores entendem, entende? Sei que entende.

Isso comprova que Cecelia Ahern sabe como cativar o leitor e contar uma boa história para nos pegar pelos dois pés. “Simplesmente Acontece” é oficialmente meu livro favorito da autora, porque ele me tocou de várias maneiras. Esse livro tem de tudo um pouco: diálogos (e monólogos) inteligentes e sagazes, personagens cativantes, lágrimas, risos... Definitivamente é um prato cheio de amor e diversão.

A Novo Conceito trouxe a capa do livro com o pôster do filme que, aparentemente, vai estrear no começo de 2015 e terá Lily Collins e Sam Claflin como protagonistas. Se o filme for pelo menos 50% do que o livro é, então já estou ansiosa.O Natal já passou, mas esse livro é uma forte recomendação para presente em qualquer época. Eu mesma daria para todos vocês, porque livro lindo tem que ser lido e conhecido mesmo!

E vocês, conhecem o livro, a autora ou sabem alguma novidade do filme? Venham compartilhar aqui nos comentários!

Vam surtar de amor!


Fernanda Karen Estudante de Serviço Social com o coração no curso de Letras. Apaixonada por séries, dramas e café. Bookaholic  irrecuperável e promíscua literária. Eventualmente estou trocando um de meus rins por livros muito desejados. (Qualquer coisa é só entrar em contato). Amo YA, ficção-fantasia, clássicos (brasileiros, portugueses, ingleses, latinos etc), chick-lits... Perceberam que meu preconceito literário é zero? Ops, quase zero; não leio auto-ajuda.
- See more at: http://www.garotapaidegua.com.br/#sthash.8hrStxdO.dpuf
 
Fernanda Karen Estudante de Serviço Social com o coração no curso de Letras. Apaixonada por séries, dramas e café. Bookaholic  irrecuperável e promíscua literária. Eventualmente estou trocando um de meus rins por livros muito desejados. (Qualquer coisa é só entrar em contato). Amo YA, ficção-fantasia, clássicos (brasileiros, portugueses, ingleses, latinos etc), chick-lits... Perceberam que meu preconceito literário é zero? Ops, quase zero; não leio auto-ajuda.


6 comentários:

  1. Oi Fernanda!
    Os livros da Cecelia Ahern não costumam me atrair porque não sou muito de romances, mas sempre vejo ela receber elogios de quem gosta do gênero.
    Gosto de livros que exploram narrativas diferentes e achei interessante o uso das cartas, bilhetes e tal.
    Beijos
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Nunca li nada da autora. Fiquei sabendo da adaptação e queria conhecer.
    Alex e Rosie parece um casal super fofo. Mas que o problema é a distancia é cruel entre eles. Adorei por a narrativa ser em forma de cartas *-*. Espero poder ler e que seja divertido pra mim também.
    Abraços Fernanda,
    ThayQ.
    http://leituras-insanas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Haha, só descobri o motivo de ser esse o brinde porque assisti hoje o trailer rsrs. A Cecelia escreve muito bem e eu fiquei muito empolgada quando soube da forma que essa história é contada, amei, amei. Agora é ler o mais breve possível, entes do filme ser lançado.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  4. Eu acabei lendo esse livro há muito tempo atrás. Havia comprado um box com os livros (The Gift, P.S I Love You e esse livro maravilhoso). Bom, eu não entendia muito de inglês na época, mas li ele facilmente, lembro de ter rido muito, principalmente no começo, onde há varias mensagens sobre o comportamento dos dois na escola. Principalmente sobre os aniversários também, gente, é hilário hahaha.

    Esse livro me fez refletir sobre várias situações. Por isso sou fã absoluta da autora, pois os livros sempre tem uma mensagem interessante escondida na trama. E o mais legal disso tudo, é que a experiência nunca é mesma. Há leitores que leem com outros olhos e enxergam coisas totalmente diferentes do que imaginou. Adoro os "dispositivos" que a autora usa em sua narrativa, sejam eles animados ou inanimados. Sejam pessoas ou objetos... acho isso tão foda. hahaha filosofei, sorry. haha

    beijos,

    Amy - Macchiato

    ResponderExcluir
  5. Já li dois livros da autora e gostei bastante. Uma coisa que sempre me chamou a atenção em seus livros é a narrativa leve e divertida que ela tem. Claro que tem suas partes mais dramáticas, mas é o humor dela que mais me chama a atenção. Nunca cheguei a ler nada que tivesse toda a sua narrativa epistolar, mas sempre tive vontade de conhecer essa maneira de contar uma história. Claro que vou ler, pois Cecelia é uma das minhas autoras preferidas.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  6. Ahhhhhhhhhhhhhhh eu vi o trailer do filme e estou querendo muito assistir =)
    Então é claro que o livro deve ser até melhor, então fiquei bem interessada.
    Deve ser uma história linda e divertida também!

    ResponderExcluir

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo