sábado, fevereiro 15, 2014

Eu Li: Mago Mestre - A Saga do Mago #2 - Raymond E. Feist

SEM SPOILERS DO PRIMEIRO LIVRO

Título:
Mago Mestre
Autor:
Raymond E. Feist
Editora:
Saída de Emergência Brasil
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC

A saga épica de Midkemia continua… Passaram-se três anos desde o terrível cerco a Crydee. Os três rapazes que eram os melhores amigos do mundo encontram-se agora a quilômetros de distância. Pug, um escravo dos Tsurani, está prestes a se tornar um dos maiores magos que já existiram. Tomas, um grande guerreiro entre os elfos, arrisca-se a perder sua humanidade para a armadura encantada que veste. Arutha, príncipe de Crydee, luta desesperadamente contra invasores e traidores para salvar seu reino. Mago Mestre é recheado de aventura, emoção e ameaças tão antigas quanto o próprio tempo. Com o segundo volume de A Saga do Mago, Raymond E. Feist volta a provar que é um dos maiores nomes da literatura fantástica na atualidade.

Tarefa difícil falar sobre esse livro. É um livro muito bom, cheio de aventuras, reviravoltas, mortes, revelações, novos amores, novas realidades, novas vidas. É muita, muita coisa nova, ao mesmo tempo em que revivemos e resgatamos histórias antigas, entendemos mais sobre elas e às vezes até mudamos de opinião sobre alguns personagens. 

O porém de tudo isso é que o livro precisa ser degustado, lido com calma e paciência, pois senão você pode acabar meio perdido(a), como eu, que quis ler avidamente para saber o que aconteceria com o Pug, o Tomas, e os demais e acabei me embanando toda HAHAHA. Sério, eu fui com tanta sede ao pote que precisei voltar algumas vezes a leitura por que não estava entendendo a passagem do tempo, ou a mudança de cenário, ou outro aspecto qualquer. 

Na verdade, essa passagem de tempo foi o que mais me desagradou. Não pelo tempo em si ter passado, pelo contrário, acho isso muito válido, pois mostrou o amadurecimento dos personagens, a evolução deles, seus conflitos internos, etc. O que me desagradou foi a falta de clareza na passagem do tempo. As vezes mudava o capítulo e só no meio dele eu descobria que havia se passado anos desde os acontecimentos no capítulo anterior. Isso me deixou irritada, confesso. Custava avisar?

Como eu disse é um livro ótimo, de forma geral. Acontece tanta coisa que depois que você termina você fica com a sensação de que leu um livro verdadeiramente enorme (o que não deixa de ser verdade, pois são mais de 400 páginas com um fonte pequena). Eu gostei do destino de alguns personagens lamentei a morte de outros e ODIEI o destino de alguns. Eu já tinha formado casais em minha cabeça, e vê-los sendo desmanchados me doeu muito =(

Nesses livro conhecemos mais sobre o povo Tsurani, seu lado da história, e até simpatizamos com alguns. Porém, apesar de ter gostado e ter terminado o livro com um sorriso no rosto, fiquei com a ligeira sensação de que alguns personagens tiveram em sua vida reviravoltas demais e sem muita profundidade de explicação. Além de personagens que sempre deram a entender serem adeptos da causa tsurani de repente tomarem atitudes boas em nome da paz. Sei lá, fiquei desconfiada. Esses poréns são balanceados com ótimas cenas de fugas por becos sombrios, ataques surpresa, fugas pelos mares, tempestades e ataques tsurani.

Como eu disse, terminei com um sorriso no rosto. E que venha o terceiro livro ;)


(3,5)


3 comentários:

  1. Ainda não comecei a ler essa série, vou esperar lançar todos, não aguento ficar esperando kkk
    Pelo que já vi em outras resenhas e na sua, é um livro que nos prende com aventuras fantásticas, preciso ler um dia.

    ResponderExcluir
  2. To adorando ver editoras caprichando nas capas, mas sério que tudo precisa ser série?! O que tá acontecendo?!

    ResponderExcluir
  3. Ansiosa para ler. Adoro estórias de magias. O livro parece trazer ao leitor mutos sentimentos mesmo. Acho que o autor fez um grande favor de confundir a cabeça dos leitores nesta parte mesmo. Os personagens parecem bem construídos e o cenário muito legal. Alguns personagens tem destinos trágicos mesmo e outros merecem. Os autores judiam.
    Abraços Bianne,
    ThayQ.

    ResponderExcluir

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo