terça-feira, abril 16, 2013

Eu Li: Príncipe Mecânico - As Peças Infernais II - Cassandra Clare


Título:
O Príncipe Mecânico
Autor(a):
Cassandra Clare
Editora:
Galera
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC

Tessa Gray não está sonhando. Nada do que aconteceu desde que saiu de Nova York para Londres — ser sequestrada pelas Irmãs Sombrias, perseguida por um exército mecânico, ser traída pelo próprio irmão e se apaixonar pela pessoa errada — foi fruto de sua imaginação. Mas talvez Tessa Gray, como ela mesma se reconhece, nem sequer exista. O Magistrado garante que ela não passa de uma invenção. Para entender o próprio passado e ter alguma chance de projetar seu futuro, primeiro Tessa precisa entender quem criou Axel Mortmain, também conhecido como Príncipe Mecânico.

Eu surtei tanto enquanto lia esse livro! Tanto que em uma cena eu dei um pulo na cadeira do ônibus e assustei o passageiro do lado. Pior que a estória estava tão boa que eu mal pedi desculpa e voltei pro livro. Eu amo Instrumentos Mortais por vários motivos, mas As Peças Infernais consegue se melhor por tantos outros. Se passa na Inglaterra Vitoriana, eles andam de carruagem, os costumes são diferentes, as roupas são diferentes, o ambiente todo nos lembra aquela constante névoa presente em Londres. O próprio romance não pode ser do jeito meio 'avançado' da IM, pois como eu disse os costumes são diferentes, dotados de um cavalheirismo que eu sempre admirei em filmes de época, quanto mais em livros, e mesmo assim nos surpreende com cenas de suspirar mil vezes.

Não há só romance no livro, claro. Os desafios dos caçadores de sombras do Instituto de Londres estão cada vez maiores. Descobrir como enfrentar as criaturas mecânicas não é fácil, e sem saber direito como encontrar quem as criou torna tudo mais complicado. Ninguém sabe direito quem, ou mais precisamente o que Tessa é, e o mais estranho é que Mortmain, o príncipe mecânico, afirma que a criou. Charlotte está lutando com todas as forças para não perder o comando do Instituto, mas nem todas as pessoas são confiáveis. Na verdade, de quem mais se poderia desconfiar é que vem a ajuda, ao final de tudo. É tenso até o último minuto.

As lutas pessoais de Will, Tessa e Jem também estão presentes. Ai gente, é triste demais esse livro nesse quesito. Antes eu era totalmente a favor do casal Will e Tessa, mas esse livro trouxe tantas outras perspectivas, e tanto sofrimento de ambos os lados que eu acho injustiça escolher só um. Sério, eu descobri coisas sobre Will que deixaram meu coração de fã em dois, não, em mil pedacinhos. Descobrir o que o leva a ser e agir desse jeito..so sad. Mas Jem também se mostrou uma pessoas tão merecedora de ser feliz que eu fiquei perdida. E Tessa? Traída por quem mais amava, sem saber quem é, e prestes a fazer uma escolha que deixará alguém ferido.

Eu amei tanto o livro! Eu surtei tanto! Chegou a ser físico a necessidade de continuar lendo, de saber como tudo se desenrolaria, se alguém morreria, se haveria mais traidores. Eu li em todos os momentos que pude, enquanto comia, no ônibus, na fila do caixa, esperando o sinal fechar. Sério, eu devia estar parecendo uma lunática nessas horas. Mas é isso que os livros que me conquistam fazem comigo, e sinceramente, eu não me importo com o que vão achar. Eu fui pra uma festa e me pegava pensando no livro, me perguntando como o Will estaria, como se ele realmente estivesse passando por tudo o que eu tinha lido, só que em outra dimensão. Coisa de louco kkkk 

Eu terminei e assim que pude botei minha mãos em Clockwork Princess, o último volume da trilogia. Mesmo agora, enquanto estou escrevendo a resenha, eu dou uma espiada no e-book para ler mais algumas páginas. Minha curiosidade é tamanha que vocês nem imaginam!!! Eu preciso saber como tudo vai terminar! Preciso!!!! O final de Príncipe Mecânico me deixou com muitas perguntas na cabeça, e parece que um só livro não será suficiente para responder a todas, mas quem já leu o último livro afirma que foi o melhor final EVER. Que a autora se superou demais. É  possível? OMG!

11 comentários:

  1. Estou com os livros da série aqui, mas ainda não consegui ler e quero ler antes de sair o filme, já os livros de as peças infernais ainda não tenho mas quero todos eles.

    ResponderExcluir
  2. Olá querida, tudo bom?
    nossa, se o livro fez tudo isso com vc, imagina quando eu puder ler e constatar todas as emoções que vc falou? tenho muita curiosidade em relação a série, juro q n sabia q era uma trilogia, ótimo!, curtinho.

    ResponderExcluir
  3. Só uma coisa a dizer depois dessa resenha: OMG OMG OMG já quero srs

    Sério não amei o primeiro livro totalmente mais me apaixonei pelo Will simples assim..gostei do Jam mais achava ele tão calmo..tão fofo que me dava agonia não existe pessoa assim tão boa e pelos spoilers mundo afora NÃO EXISTE MESMO.

    Estou ansiosa para adquirir o livro..mais vai demorar um pouquinho mesmo a compra...

    ResponderExcluir
  4. Eu fico feliz em saber que essa serie é melhor que a dos instrumentos mortais, eu não gosto tanto assim dessa autora, alias nem sei o pq de gostarem tanto, mas procuro ler pra saber o que to perdendo. Ainda não li anjo mecanico, então nem sei o que esperar dele, só sei que me agrada muito isso de ser historico, amo essa epoca!
    Puxa, livro é bom assim pra correr pro proximo volume? rs fiquei curiosa
    Espero ler essa nova serie em breve.
    Bj

    ResponderExcluir
  5. Gosto tanto dessa série! E com essa empolgação toda que você demonstrou na resenha, só fez aumentar a vontade. Gosto dos personagens, gosto do enredo ... enfim, quero ler pra ontem!

    ResponderExcluir
  6. Ainda estou na metade desse livro e estou gostando muito. Enrolando um pouco até o meu clockwork princess chegar :-)

    ResponderExcluir
  7. Ai, ainda estou com o pé atrás com o 2° livro que ainda não li. O primeiro livro eu tinha tanta espectativa e não foi tudo aquilo que esperava. Mas com 2 pessoas que conheço dando nota 5, vou retornar minha esperança. Não caí de amores por Jem ou Will ainda.

    Érica Martins
    Espiral dos Sonhos

    ResponderExcluir
  8. Como eu não gosto de Instrumentos Mortais é provável que também não goste, mas não custa tentar!

    ResponderExcluir
  9. Oi, Biah!!
    Como não acompanho a série e também não me interesso pela história, não tenho muito o que comentar! :/ O que posso dizer é que sua resenha está muito bem escrita, você, de fato consegue passar direitinho o que achou do livro!

    ResponderExcluir
  10. AMO ESSE LIVRO! Tu sabes disso kkkk! E sim, Clockwork Princess é ainda melhor :D Amei a resenha :D
    beijos.

    ResponderExcluir

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo