segunda-feira, abril 03, 2017

Eu Li: Quando a Bela Domou a Fera - Eloisa James

Título:
Quando A Bela Domou A Fera
Autora:
Eloisa James
Editora:
Arqueiro
Série:
Fairy Tales #1
Ano:
2017

Adicione ao Skoob


Piers Yelverton, o conde de Marchant, vive em um castelo no País de Gales, onde seu temperamento irascível acaba ferindo todos os que cruzam seu caminho. Além disso, segundo as más línguas, o defeito que ele tem na perna o deixou imune aos encantos de qualquer mulher.
Mas Linnet não é qualquer mulher. É uma das moças mais adoráveis que já circularam pelos salões de Londres. Seu charme e sua inteligência já fizeram com que até mesmo um príncipe caísse a seus pés. Após ver seu nome envolvido em um escândalo da realeza, ela definitivamente precisa de um marido e, ao conhecer Piers, prevê que ele se apaixonará perdidamente em apenas duas semanas.
No entanto, Linnet não faz ideia do perigo que seu coração corre. Afinal, o homem a quem ela o está entregando talvez nunca seja capaz de corresponder a seus sentimentos. Que preço ela estará disposta a pagar para domar o coração frio e selvagem do conde? E Piers, por sua vez, será capaz de abrir mão de suas convicções mais profundas pela mulher mais maravilhosa que já conheceu?
Oi gente... para já entrarmos no clima do evento de romances de época da Arqueiro do próximo dia 09/04 às 15h na Saraiva do Shopping Boulevard, resolvi que vamos passar esta semana inteira juntos e mergulhados em resenhas quentinhas dos romances de época da editora! Vamos, lá?

Eloisa James é a nova autora de romances da família Arqueiro e este ano foi lançado seu primeiro livro aqui chamado ´´Quando a Bela Domou a Fera`` tendo por proposta apresentar uma re leitura para um dos mais queridos contos de fadas de todos os tempos: A Bela e A Fera. 

O livro começa contando para os leitores como um vestido mal talhado pode arruinar a vida de uma jovem Lady para sempre. Quer saber como? Acontece que Linnet é a rosa mais bela desta temporada social britânica, ela tem as características mais adoráveis e invejáveis para uma moça bem nascida e mais luxuriantes e sedutoras segundo os Lordes de plantão. 

Por toda a sua vida Linnet tentou ir contra os seus instintos e pensamentos rebeldes e lutou para se tornar a jovem Lady mais bem educada, bonita e prendada da sociedade. Os homens a desejavam e cobiçavam, e ela passa a ser almejada até por um príncipe. Mas nada disso foi o suficiente para evitar que Linnet fosse publicamente dispensada pelo príncipe e ainda por cima passa a ser vítima de fofocas escandalosas por causa de um infeliz vestido que a deixou parecendo grávida de um bastardo real, e um beijo roubado.

E as coisas só pioram a partir desse momento, a tia e o pai dela insistem em não acreditar nela, e sim nas fofocas que rondam o nome dela. O enfadonho e vaidoso pai dela culpa a mãe de Linnet, pois essa mãe era uma libertina assumida e tinha vários casos. A beleza da mãe de Linnet subiu à cabeça dela, e sempre dizia a filha pequena que precisava ser amada, e isso queria dizer por vários homens e não só pelo pai de Linnet. E por isso o pai de Linnet não acredita nela, e passa a culpa a filha por ser uma libertina como a mãe.

Depois de muitas páginas de enlouquecer qualquer leitor, finalmente o pai e a tia de Linnet resolvem acreditar nela. Quando isso acontece a tia de Linnet tem a genial ideia de procurar um certo Lorde que está tendo problemas com o único e herdeiro filho e tentar convencê-lo de que Linnet está grávida e o filho dela é do príncipe, e pode levar adiante o legado e nome da família deles, já que o filho sofreu um acidente e agora é incapaz de se tornar pai.

Feitos os devidos arranjos e mesmo contra a vontade de Linnet ela parte para a fronteira com a Escócia para conhecer o filho do referido lorde que é carinhosamente conhecido no meio da sociedade como ´´A fera``.

Piers Yelverton foi bem claro com o pai, ele só se casaria com a mulher mais bela da face da terra, e fez uma lista de outras qualidades que ela deveria ter. Então quando ele recebe uma carta do pai dizendo que ele encontrou essa mulher e que está indo para o castelo do filho com ela, ele não acredita e pensa logo em mil formas de fazer a mulher sair correndo do castelo. O que ele não esperava é que o pai de fato tivesse conseguido achar tal magnitude em forma de mulher. E não é que o velho achou mesmo?

O pai descreve a situação delicada em que Linnet se encontra (supostamente grávida de um príncipe idiota) mas o que Linnet não sabia é que Piers é um excelente médico, e percebe assim que a vê, que na verdade ela estava com uma almofada na barriga, e não grávida como todos supõem. Mesmo desmascarada Linnet não se abateu pela descoberta dele, e colocou na cabeça que consegue fazer Piers se apaixonar por ela, ou no mínimo fazer com que ele case com ela.

Piers acha Linnet linda e desejável, mas ainda assim não vai casar com ela. Porém decidiu deixar a historinha do seu pai rolar e ver onde isso os levaria, claro que ele não contava que todos os homens do castelo, incluindo seu leal primo/ melhor amigo fossem ficar babando por ela. Afinal de contas ela era a ´´noiva`` dele! E para variar ele conhece a verdadeira personalidade dela, o que a torna ainda mais atraente para ele.

Linnet acredita que a descrição de ´´A fera`` pode ser até certo ponto um equívoco, ele é muito atraente apesar da personalidade horrível dele, e por ter se tornado coxo. Ela gosta de passar horas com ele, pois o gênio dele a desafia e ela gosta disso, pois pode ser ela mesma. Só que passar muito tempo com ele faz com que ela comece a prestar mais atenção as formas dele, o que as vezes a deixa meio triste pois sabe que casar com ele vai deixar ela imaculada, já que ele não possui mais a habilidade de consumar o casamento devido ao acidente que o deixou coxo.

Por Linnet pensar assim de Piers e por ele ser um médico excêntrico as vezes, ela faz as mais desconcertantes perguntas para ele sobre a anatomia do corpo dele. Pois na cabeça dela Piers é meio que assexuado. Só que Lorde Piers esconde segredos naquele castelo e do pai, e parece inclinado a compartilhar eles com ela. E esses segredos podem colocar em risco o imaculado corpo de Linnet.

Os diálogos entre eles são tãoooooooooooo deliciosos que tive que ler duas vezes seguidas o livro. Por vezes me questionei se estava mesmo lendo um romance de época pela liberdade de fala que encontrei nos dois personagens principais. E é uma pena que não possa compartilhar direito minhas impressões sobre o plot twist no final da história, pois seria mesmo muito spoiler em uma resenha, mas posso dizer sem medo de ser feliz: ELOISA JAMES O QUE VOCÊ ESTAVA PENSANDO QUANDO FEZ O QUE FEZ COM ELES NO FINAL?

Eu sobrevivi a leitura desse livro e estou aqui para super recomendar ele!

Espero que vocês tenham gostado da resenha e vejo vocês amanhã!


2 comentários:

  1. Aaaa caramba eu quero muito ler esse livro 😭😭 logo que saiu eu coloquei ele no skoob,agora só esperar uma promoção hahaha,muito boa sua resenha,sem spoiler como gosto rs

    ResponderExcluir
  2. E agora? Como não ficar louca para ler esse livro?
    Preciso para ontem

    ResponderExcluir

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo