quinta-feira, abril 23, 2015

Dia Mundial do Livro


Olá, leitores! 
Hoje é um dia muito especial para todos nós que abraçamos com amor a blogosfera literária.

É o Dia Mundial do Livro





A data foi criada pela Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) em 1995, junto com o Dia dos Direitos de Autor, para incentivar as pessoas a conhecerem os prazeres da leitura.

Pessoalmente, apoio veementemente todo tipo de arte e acredito que as suas ramificações (como música, pintura, artesanato), juntamente com o esporte, deveriam fazer parte da vida de todos os cidadãos mundiais. Pode soar um pouco ilusório, mas estudos de casos comprovam que arte e esportes mudam a vida das pessoas para melhor.

E para nós, que temos proximidade com a literatura, mais do que discutir se livro x é modinha, ou quem lê livro y não é inteligente o suficiente *BOCEJOS*, acho que devíamos priorizar a discussão sobre o acesso aos livros. 

Não sei se vocês sabem, mas educação e cultura estão como direito (de todos) e dever (do estado e da família promovido e incentivado com a colaboração da sociedade) na Constituição Federal, portanto, é lei ter acesso a eles. No entanto, as pessoas ainda estão muito limitadas nesses quesitos e é realmente lamentável essa constatação. Não conheço a realidade de todo o país, então vou me limitar à observação aqui da capital do Pará: as escolas tem pouco envolvimento com a leitura, famílias menos ainda e a sociedade... apenas suspiros. 

Não estou generalizando, por favor, mas da posição privilegiada que tenho da periferia de Belém (pois moro nela), acreditem, a realidade é triste. Eu sei que a vida de ninguém é fácil e sei que existem “n” motivos para esse acesso não chegar a todos, mas será que estamos fazendo o suficiente? 

Ok, chega de cobranças. Quando eu for ministra da educação cuidarei disso aí. (CADÊ O AMÉM?!) 

Conversando com uma amiga sobre a importância da leitura, chegamos a conclusão que praticamente tudo que está ao nosso redor envolve livros. Vamos aos exemplos: todo conhecimento acumulado pela história está registrado em livros. Sabemos o que aconteceu há mais de 2.000 anos por causa de livros. "Fernanda, estás sendo muito simplória..." 

Ok, então vamos usar um exemplos prático: esportes. 

Conhecemos regras, historicidade, campeões antigos, etc, por intermédio de... tã nã: livros! 

"Ah, mas tem a internet..." Claro que temos internet. Bem, pelo menos vocês e eu. Alguns alunos só tem o espaço da escola para aprimorar conhecimentos e se os livros forem explorados, incentivados e estimulados de uma forma que os aproximem do contato com prazer, imaginem que futuro promissor teremos. 

Que tal olharmos para este dia mundial do livro com uma nova perspectiva? Que tal estimular a inclusão de pessoas para esse vício delicioso que é conhecer novas histórias, novos lugares e novas pessoas sem sair do lugar?

Livros transformam. Livros ajudam a nos tornar empáticos. Vocês imaginam o quanto isso é grande? Empatia é se colocar no lugar do outro, literalmente; É sentir o que o outro sente. Nós, que temos o hábito de ler, sabemos o quanto é real sorrir e chorar com um personagem e os livros tem a magia de proporcionar isso aos leitores. Se temos a sensibilidade de sentir por pessoas que não existem, deve ser bem mais fácil (deveria, ao menos) tentar compreender as pessoas reais que estão próximas de nós. 

Aqui em Belém, procuramos manter contato com quem curte ler através de eventos. É um estimulo maravilhoso ter com quem conversar sobre livros e ser apresentados a novas histórias e aproveitamos para divulgá-los a quem quiser ouvir. 

Abaixo o registro de alguns dos eventos literários que realizamos aqui na terrinha:













Também temos nosso lindo, tesão, bonito e gostosão: PA Book Club

O PABC é realizado em dois encontros mensais onde nos reunimos para conversar sobre vários livros. Cada leitor compartilha as leituras que fez durante o mês corrente e sempre saímos de lá cheios de dicas incríveis e eventualmente mais pobres, porém felizes.

Neste mês, inclusive, estamos completando 3 anos de encontros ♥
Por aqui, não temos o que reclamar no quesito eventos literários. Nós, do blog, organizamos alguns e outros blogs e fãs clubes realizam outros e tem para todos (que tem acesso, coff). Espero que um dia esses eventos tenham o destaque adequado aqui pelo norte e que a literatura seja contemplada por todos em todas as regiões, países e continentes (talvez eu possa chegar a ser embaixadora da ONU para dar um jeito nisso aí. QUERO OUVIR OUTRO AMÉM!).

O dia mundial do livro é um dia especial e nós, que amamos livros, vamos dar um presente para alguém aí do outro lado. Vamos sortear uma coletânea nacional, que foi recentemente lançada na IV Odisseia de Literatura Fantástica, em PoA. O livro se chama "O Outro Lado da Cidade" (confiram a sinopse aqui) e contém histórias de diversos autores incríveis, dentre eles Roberta Spindler, Bárbara Moraes e outros amorzinhos. 

Quem curte fantasia urbana vai amar!

Corre para participar e avisem aos amigos! Atenção: é preciso ter um endereço de entrega no Brasil :)



Até, leitores e futuros leitores!
Feliz dia mundial do livro!

2 comentários:

  1. eu postei um comentário aqui, não foi aprovado? : |

    ResponderExcluir
  2. por sorte eu havia postado no google+
    aqui vai novamente meu comentário:

    Eu preciso dizer que gostei muito da matéria sobre o Dia Mundial do Livro, Realmente o blog "Garota Pai d'égua" como um grande blog literário que é, não podia ficar de fora, ou deixar de homenagear este dia. Gostei mesmo.

    Preciso acrescentar à matéria que coincidentemente ou não, neste dia 23 de abril estava sendo debatido por parlamentares a "Frente parlamentar mista em defesa do livro da leitura e da biblioteca. Parece que a nossa presidenta Dilma acertou a canetada e fez uma coisa certa. e parece que agora poderemos ter politicas públicas que ajudarão nessas areas relacionadas a leitura, livros e biblioteca publica.

    Para ler a matéria na integra, acessem:
    http://www.administradores.com.br/noticias/cotidiano/parlamentares-lancam-frente-para-defender-o-acesso-ao-livro-a-leitura-e-a-biblioteca/100361/


    Não preciso nem dizer o quanto isso é importante pra nossa sociedade e pra Belém.
    : )

    Hoje mesmo, neste momento (09h da manhã do dia 24 de abril), pra ser mais exato, está tendo um evento lá no auditório do Museu Emilio Goeldi chamado "III seminário de leitura, Belém Cidade de Leitores" os desafios para a construção do plano municipal do livro, leitura, literatura e biblioteca. O objetivo é ampliar a discussão de politicas publicas para o livro e a leitura na CIDADE DE BELÉM. Criando um dialogo mais efetivo entre o poder publico e a sociedade civil.

    Os Belemenses ja estão se mobilizando e discutindo, querem o quanto antes fomentar e incentivar a leitura nessa cidade. E todas essas boas noticias me deixam muito feliz. Estamos vivendo uma época boa de lutas, pela democratização da leitura.

    Garota Pai d'égua.. fiquem ligados nessas noticias, para que seja publicado aqui..
    Tem noticias boas a respeito do livro, leitura, literatura e biblioteca publica em Belém, vindo por aí.

    Abraços. Thyago.

    ResponderExcluir

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo