quinta-feira, setembro 25, 2014

Eu Li: Enquanto a Chuva Caía - Christine M.


Título:
Enquanto a Chuva Caía
Autora:
Christine M.
Editora:
Novas Páginas
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC


Erik não procura mais a garota dos seus sonhos. Vive em busca de adrenalina e de uma razão para continuar cumprindo tarefas obscuras. Ele sabe que é muito bom no que faz e não vê nada que possa ser melhor do que os seus dias repletos de perigo. O que Erik não esperava é que sua paixão por correr riscos seria a sua ruína. Ameaçado, ele precisa fugir para o exterior e viver disfarçado de cidadão comum, trabalhando como advogado em uma grande empresa. Marina comanda o império da família depois de seu pai ter sucumbido ao mal de Alzheimer. Precisa suportar ver os pais tombarem diante da ação implacável do tempo, enquanto ainda carrega a ferida provocada pela morte do jovem marido. Com o comando das empresas nas mãos, ela percebe que nem todas as atividades da corporação obedecem aos manuais de boa conduta. Quando ambos se encontram, presente e passado se misturam, dando início a um mistério arrebatador que os atrai a uma paixão incontrolável. No entanto, os segredos, cedo ou tarde, virão à tona e os colocarão em lados opostos da balança. Nenhum dos dois é inocente, mas será que eles aceitarão as verdades que tanto se empenham em esconder? É possível construir um futuro mesmo depois de descobrir que nesta história não há mocinha nem herói? 

Marina tem apenas 26 anos, mas já teve sua cota desafios e perdas. Ficou viúva há dois anos, quando seu jovem marido, médico e soldado, faleceu no Iraque. Precisou assumir o posto de CEO da empresa de consultoria de seu pai quando este sucumbiu ao mal de Alzheimer, e precisou lidar com a pressão de milhares de colaboradores achando que ela levaria a empresa à falência em pouco tempo. Ainda está de luto por seu marido, cuja "tumba" visita todas os dias, impreterivelmente, se não se sente sufocada e angustiada. Essa é Marina, lutando todos os dias para seguir em frente.

Erik tem 27 anos, mas desde cedo leva uma vida perigosa, e quando digo isso me refiro a receber envelopes com missões, assustar ou matar pessoas, e receber dinheiro por isso. Se escondendo atrás de uma fachada de jovem advogado consultor, ele ama a adrenalina e o perigo, e ainda não encontrou nada na vida capaz de fazê-lo superar esse amor por seu lado obscuro. 

Quando eles se conhecem, em meio a admissão de Erik na empresa de Marina como consultor, e ao escândalo provocado por uma denúncia de assédio sexual contra o pai dela, eles se vêem irremediavelmente atraídos, e acabam se envolvendo em uma relação que vai se mostrar de muitas formas arrebatadora, mas também cheia de mistérios e intrigas que podem acabar com eles.

A autora nos apresenta a um casal improvável e sofrido, cujas perdas marcaram suas vidas e de certa forma moldaram suas personalidades. É possível perceber isso e impossível não levar em consideração ao fazer o julgamento sobre os personagens. Convenhamos, Erik, apesar da beleza, não parece muito confiável e seu passado obscuro me dá calafrios. 

A partir do momento em que eles começam a se relacionar e as intrigas e mistérios começam a se apresentar, fica impossível largar o livro. Por ser contado em primeira pessoa, alternando entre os pontos de vista dos dois protagonistas, fica melhor entender o que se passa na cabeça deles e as razões deles para determinadas atitudes. 

É um livro ótimo, com um enredo super interessante e um romance atraente, cheio de mistérios e intrigas, passados relacionados e segredos obscuros. Apesar de Erik e Marina serem os protagonistas, meu personagem favorito é James, o melhor amigo dela, com seu jeito protetor e engraçadinho, charmoso e irônico. Eu li esse livro de uma sentada só, no final da noite e começo da madrugada, o que me rendeu olheiras maravilhosas no dia seguinte. Valeu!

Minhas ressalvas se relacionam ao fato de eu ter achado alguns acontecimento um pouco forçados ou rápidos demais. O próprio início de relacionamento deles para mim pareceu corrido. Sim, são duas almas machucadas que encontram consolo em uma relação amorosa, mas mesmo assim. Também senti falta de algumas cenas hot, afinal eles são adultos e a autora poderia ter explorado isso de uma forma legal, para aproveitar a tensão sexual entre eles, mas enfim, tirando isso, é perfeito para o que se propõe: momentos de tensão, suspiros e recomeço.

A escrita da Christine é ótima, muito fácil de entender, muito fluida, o que faz ser possível ler o livro bem rapidinho, apesar do assunto um pouco denso. Amo a escrita dela, uma das coisas me que fez ficar toda empolgada quando soube desse lançamento, e provavelmente é o que sempre me fará ficar empolgada pelos futuros lançamentos. Posso nem saber a sinopse, mas vou ler de qualquer jeito. Já sabem que eu amo romances, não é? Eles tem um cantinho especial no me coração .

A autora pode ser encontrada no Twitter e através de sua página no Facebook.


Um comentário:

  1. Minha única pergunta sobre o livro (porque entendi tudinho na resenha xD ) é: ele assusta ou mata pessoas e ela tá de boa com isso? Tipo "ah legal, você matou alguns hoje, vamos sair?" haha

    ResponderExcluir

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo