domingo, junho 29, 2014

Eu Li: Inferno - Abandono #2 - Meg Cabot


Título:
Inferno
Autora:
Meg Cabot
Editora:
Galera
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC

Nesta continuação do mito de Perséfone recriado por Meg Cabot, Pierce Oliviera está em um lugar entre o paraíso e o inferno. Um castelo turvo e mal iluminado, de onde pode ver os espíritos dos mortos, prontos para embarcar em sua viagem derradeira. Mas não está lá por escolha própria: John Hayden, senhor do Mundo Inferior, está lhe mantendo lá. Para seu próprio bem, ele diz: para protegê-la das Fúrias que desejam vingar-se dele.
Mesmo que esteja lá, seus entes queridos não estão. E isso pode acabar custando caro para ambos. Mas John afirma que não pode deixá-la sair. Será que ela deveria confiar em sua palavra?

Como já disse em outras ocasiões, Meg é uma das minhas escritoras favoritas, e seus livros e suas protagonistas já me levaram para aventuras inesquecíveis e me tornaram fã de carteirinha. Abandono, o primeiro livro desta trilogia, não me agradou tanto quanto eu esperava, considerando tudo o que eu já tinha lido dela antes, mas com certeza eu não deixaria de ler sua continuação. Graças ao deus dos leitores em expectativa, dessa vez a experiência foi bem melhor!

Como todos sabem - ou não -, a trilogia Abandono é a recontagem do conto de Hades e Perséfone, da mitologia grega.  Neste caso, Pierce Oliviera e John Hayden são os protagonistas dessa história de amor no Mundo Inferior, ou mundo dos mortos, como preferir. Depois de ser perseguida e quase assassinada pelas Fúrias, que querem se vingar de John através do sofrimento de sua amada, Pierce se encontra agora em um castelo sombrio no Mundo Inferior, lugar onde a probabilidade de ser atacada pelas fúrias é bem menor,  e também onde John pode ficar de olho em sua Rainha dos Mortos.

Mesmo admitindo que ama John e que ficaria com ele em qualquer lugar que fosse, inclusive o Mundo Inferior, sua família ainda está correndo riscos com as fúrias dispostas a usar qualquer artifício para machucar Pierce. Depois de ter um vislumbre do que poderia acontecer ao seu primo Alex, Pierce decide tentar convencer John a deixá-la voltar ao mundo dos vivos para alertar sua família, mas ele não está muito disposto a isso não, com toda sua super proteção e tudo mais #adogo. Em paralelo, ela está descobrindo mais sobre o passado de John e o que ele fez em vida para se tornar o Rei dos Mortos

A experiência com esse livro foi beem melhor do que com Abandono. Eu nem senti o tempo passar, as páginas foram passando e passando e quando eu vi o livro tinha terminado. Eu nem tinha percebido que faltavam poucas páginas! Só vi mesmo quando virei uma delas e encontrei uma folha em branco em seguida. E ainda fiquei com uma cara tipo WTF?, porque terminou num cliffhanger! Meg, sua malvada!! 

Eu também me apeguei muito mais aos personagens dessa vez. Pierce está mais decidida, definiu melhor seus sentimentos por John, e este conseguiu me conquistar mesmo com sua pseudo dupla personalidade (isso existe? O.o). Também há personagens novos, inclusive um garotinho pirata super fofo! As Fúrias continuam enchendo a paciência, mas em minha opinião a Meg poderia ter construído vilãs mais elaborados, que metessem medo e representassem um verdadeiro risco. O único problema que permanece é esse: não consigo sentir medo, nem apreensão. 

Claro que já procurei informações sobre o terceiro livro, ainda não lançado no Brasil, e soube que ele é mais dramático, com mais mortes, então fica aí minha expectativa para sentir aquele terror básico pelo destino dos personagens sabe? rsrs

Bom, minha visão em relação a trilogia mudou bastante. A leitura fluiu melhor, não senti o tempo passar, os personagens estão mais cativantes e estou muito curiosa para conferir o volume final,  Awaken. Continuo a afirmar que a Meg tem muitas outras séries que já te cativam desde a primeira página do primeiro livro, como A Mediadora e Desaparecidos, e eu as recomendo fortemente, mas com certeza o já fãs e os ainda não fãs da Meg vão curtir este livro também. 



4 comentários:

  1. Nunca tive contato com a escrita da Meg, mas pude perceber que essa é uma de suas obras mais fracas, foi baseado no conto da mitologia grega e não foi muito feliz, até achei legal a ideia de trazer uma personagem um pouco confusa e com muitos dramas, mas essa falta de estrutura do primeiro me desmotivou a leitura, ainda bem que a escrita melhorou nesse segundo e tomará que melhore muito mais no final, trazendo mais suspense e trabalhando bem a história e os personagens.

    ResponderExcluir
  2. Quero muito ler.
    Ainda não li o primeiro livor, então terei que ir atrás dele primeiro.
    O ruim de Cabot são os preços, nada acessíveis. Mas como quero muito, tentarei comprar mês que vem <3
    E a trama me chamou muito a atenção... o estilo que curto.

    ResponderExcluir
  3. Não li nenhum livro dela ainda (tá, pode me apedrejar agora '-'), mas morro de vontade, até porque as capas são lindas.

    Mas adorei saber do que se trata essa série, e tenho certeza que vou adorar um romance no mundo inferior... rsrsr (só não posso confundir com PJ, porque vamos combinar, não tinha outro nome pra dar a coitada da protagonista não.. rsrrsr)

    ResponderExcluir
  4. Ainda não li nada da autora, mas fiquei muito interessada em saber que essa série é baseada na história de Hades e Perséfone. Eu gosto muito de mitologia grega e tudo que se refere à ela. Fiquei um pouco desanimada em saber que o primeiro livro não é tão bom, mas pelo jeito a história melhora no segundo. Espero poder ler em breve.

    Beijos!!

    ResponderExcluir

Quer fazer um blogueira feliz? Então deixa um comentário neste post! Você vai fazer todo o trabalho valer a pena rsrs
Mas tem um porém: Comentários ofensivos serão deletados.

Muito Obrigada por comentar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garota Pai D'égua - Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianne Souza.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo