Eu Li: Laços de Sangue - Bloodlines #1 - Richelle Mead


Título:
Laços de Sangue
Autora:
Richelle Mead
Editora:
Seguinte
Onde Comprar:
Submarino | Saraiva | FNAC


Sydney estava encrencada. Em sua última missão, ela tinha ajudado a dampira Rose Hathaway a escapar da prisão, e essa aliança foi considerada uma traição grave, já que vampiros e dampiros são criaturas terríveis e antinaturais, ameaças àqueles que os alquimistas devem proteger: os humanos.
Com sua lealdade colocada em questão, Sydney se sente obrigada a voluntariar-se para uma tarefa nada agradável: ajudar a esconder Jill Dragomir, uma princesa vampira que está sendo perseguida por rebeldes que querem o poder. Caso ela seja capturada e assassinada, a rainha Lissa ficará sem nenhum parente vivo e, como manda a lei, terá de abdicar do trono - o que culminará numa guerra civil tão sangrenta no mundo dos vampiros que certamente afetará a humanidade.
Primeiro volume da série Bloodlines, "Laços de Sangue" apresenta o ponto de vista de Sydney Sage. Por ser uma alquimista, ela foi criada para acreditar que vampiros são criaturas terríveis e antinaturais. Até ser enviada à ensolarada Califórnia em uma missão para proteger a princesa vampira Jill Dragomir.


Peço permissão para fazer uma resenha diferente.
Quem me conhece sabe que sou fangirl declarada de Richelle Mead (diva, ruiva, maravilhosa), mas não queria que meus feelings influenciassem nessa resenha, porém, ao mesmo tempo, bem, está em mim e sei que não poderei evitar.
Portanto, farei uma resenha esquizofrênica.
Serei Fernanda ~normal~, avaliativa.
E Fernanda fangirl xiita.
Cês tão prontos? Então vamos!

Normal: “Laços de Sangue” é o primeiro livro da série “Bloodlines”. É o spin-off de “Academia de Vampiros”, mas pode ser lido separadamente. Os eventos que ocorrem em “Laços de Sangue” são completamente adversos aos que acontecem em VA. É outra perspectiva, outras tramas, porém com alguns personagens já conhecidos.

Fangirl Xiita: GENTE, TEM ADRIAN! ADRIAN É O MELHOR PERSONAGEM DO MUNDO! ELE É TERRÍVEL, ESPIRITUOSO, TRATANTE E ENCANTADOR!

“É necessário tentar muitas vezes para atingir a perfeição. – Ele fez uma pausa para reconsiderar. – Bom, exceto para os meus pais. Eles acertaram de primeira.”

Normal: A narrativa é da perspectiva de Sidney e aí vai um diferencial marcante de VA: ela é humana. Calma, não está virando “Twilight” (cês acham que Adrian parece com Edward Cullen?!). Sidney é uma alquimista. Eles são responsáveis por manter o mundo a salvo dos segredos sobrenaturais. Eu os entendo como uma organização quase religiosa. Eles tem crenças e preconceitos arraigados sobre as criaturas das trevas (vampiros) e Sidney não é diferente.
Sua missão de tentar esconder a princesa moroi, Jill, no mundo humano normal não é nem de longe agradável, mas necessária. Sidney cresceu bastante do pouco que sabemos dela em “Academia de Vampiros” e é interessante ter sua versão das coisas e das pessoas.

Fangirl Xiita: A.M.O SIDNEY! ELA É UMA PERSONAGEM INCRÍVEL E É MARAVILHOSO CONSTATAR QUE NÃO PRECISA SER UMA GUARDIÃ PARA SER BADASS! SIDNEY É INTELIGENTE E UM POUCO INSEGURA, MAS NADA QUE A DEIXE COM MUITO MIMIMI. ELA NÃO TEM TEMPO PARA BOBAGENS! ELA PRECISA FAZER O QUE TEM QUE SER FEITO E FAZ! PROTAGONISTAS FORTES ME REPRESENTAM (Todas as de Richelle, portanto)! 

“Sabe, às vezes você pode ser assustadora como o diabo.”

Normal: A história se passa em Palm Springs, na Califórnia (que no livro pareceu fazer coslplay de Belém no quesito: calor). Logo depois de um atentado contra Jill, os alquimistas e a realeza moroi acharam seguro mantê-la em um colégio interno para humanos, longe de toda a confusão da corte.
Mas se adaptar não será fácil para Sidney. Afinal, ela precisará viver com vampiros, e cuidar das necessidades deles, e ainda tem a experiência da escola. Sidney foi educada em casa mas ela sempre teve uma ânsia de aprender mais, saber mais (NERD NERD NERD)!
Sério, Sidney é MUITO nerd. É até engraçado quando ela responde todas as perguntas e deixa todos embasbacados.Os alunos da escola pensam que sua tatuagem de lírio é o que dá inteligência à ela e Sidney fica confusa no primeiro momento, mas logo ela percebe que tem algo muito errado com as tatuagens que dão força e disposição aos atletas e um barato aos que apenas querem curtir.
É como se tivesse drogas na composição das tatuagens e mesmo com a ordem de não se envolver, Sidney vai tentar descobrir o que há. Sem falar em algumas mortes estranham que ocorreram pela área. Meninas, basicamente moroi, são mortas com o pescoço cortado.
Vampiros tem presas e os strigoi, seres das trevas que são do jeito que Anne Rice gosta, não precisariam de uma faca para matar suas vítimas. Sidney se envolverá em várias situações instigantes nessa trama e o seu crescimento é palpável.

Fangirl Xiita: E POR FALAR EM CRESCIMENTOS... ADRIAN. GENTE, O PERSONAGEM QUE MAIS CRESCEU EM SÉRIES DE LIVROS QUE JÁ LI (E JÁ LI VÁRIAS SÉRIES) É ELE.
EM VA, ADRIAN ERA APENAS A PONTA DE UM TRIÂNGULO QUE, HONESTAMENTE, ERA DESLEAL PARA ELE.
O ADRIAN DE “BLOODLINES” É OUTRO. MAS AINDA SIM, É O MESMO. AI, É DIFÍCIL DE EXPLICAR, MAS ELE CONSEGUIU FICAR AINDA MAIS PERFEITO?! ACHO QUE SIM. SIM!

SE TU LEU VA E NÃO CURTIU ADRIAN, ESQUECE E VEM. SE TU NÃO LEU VA, VEM TAMBÉM.
ACHO QUE ESTÁ NA ÁREA DO IMPOSSÍVEL ADRIAN NÃO AGRADAR.
(A não ser que tu goste de personagens rígidos que sempre falam a coisa certa e são todos certinhos e panz.)
(Eu também  os curto, mas minha promiscuidade não tem fim, felicidade, sim.)

Normal: “Laços de Sangue” é apenas a introdução de uma série fantástica que vai abranger mais que apenas o mundo vampiresco, como foi em VA. MUITA coisa interessante vai acontecer. Um diferencial marcante é que os personagens secundários são de uma importância extrema. Tu quer saber a fundo seus porquês, tu torce, tu sofre. Richelle Mead tem o costume de sambar no coração dos leitores e com “Bloodlines” não será diferente.
Sobre o romance... hm, essa resenha não teria tantos caps lock do meu eu xiita se não tivesse. Mas o livro 1 apenas sugere. Mas sugere de uma forma: AI.MEUS.FEELINGS!

“ – Meus Deus, Sage. Os seus olhos. Como foi que eu nunca reparei neles? (...) Quando você fica na luz. Eles são fantásticos... como ouro derretido. Eu poderia pintá-los... São lindos. Você é linda."

Fangirl xiita: *Estrebuchada no chão*

Normal: “Laços de Sangue” é apenas o livro 1, amigos, e já é incrível de várias formas. O livro 2, “O Lírio Dourado”, foi lançado em terras tupiniquis essa semana *GRITA* pelo selo Seguinte, da editora Companhia de Letras. Estou ansiosíssima para reler, portanto, aguardem resenha em breve.

Meu eu normal e fangirl xiita concordam que esse livro merece uma constelação. 



Fernanda Karen Estudante de Serviço Social com o coração no curso de Letras. Apaixonada por séries, dramas e café. Bookaholic irrecuperável e promiscua literária. Eventualmente estou trocando um de meus rins por livros muito desejados. (Qualquer coisa é só entrar em contato). Amo YA, ficção-fantasia, clássicos (brasileiros, portugueses, ingleses, latinos etc), chick-lits... Perceberam que meu preconceito literário é zero? Ops, quase zero; não leio auto-ajuda.
- See more at: http://www.garotapaidegua.com.br/search?updated-max=2013-11-03T09%3A15%3A00-03%3A00&max-results=3#.UoYxJOJarK






Fernanda Karen Estudante de Serviço Social com o coração no curso de Letras. Apaixonada por séries, dramas e café. Bookaholic irrecuperável e promiscua literária. Eventualmente estou trocando um de meus rins por livros muito desejados. (Qualquer coisa é só entrar em contato). Amo YA, ficção-fantasia, clássicos (brasileiros, portugueses, ingleses, latinos etc), chick-lits... Perceberam que meu preconceito literário é zero? Ops, quase zero; não leio auto-ajuda.

Formada em administração de empresas, tem fascinação por aprender idiomas (nem sempre é bem sucedida, mas vale a tentativa). É apaixonada por livros, fez muitos amigos por causa deles, e os usa para conhecer novos lugares e realidades. É também uma ARMY orgulhosa.

Recomendado Para Você

Comentários